acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Indústria Naval

Mau tempo impede içamento de convés da P-55

04/07/2012 | 11h51
Mau tempo impede içamento de convés da P-55
João Paulo Ceglinski João Paulo Ceglinski

 

Chuva intensa e rajadas de vento - que chegaram próximas a 45 km/h na terça-feira (3) - impediram o içamento do deckbox (convés) da plataforma P-55 em Rio Grande. A etapa do processo de mating unirá os módulos ao casco da petrolífera. Como a previsão é de manutenção de condições adversas, a tendência é que a operação seja retomada na quinta-feira (5).
Após a entrada do casco no dique do Estaleiro Rio Grande, a próxima etapa será erguer o convés da P-55 a uma altura de cerca de 45 metros. Ele será encaixado no casco, montando a plataforma. A janela climática deste dia prevê condição adequada.
O mating é o mais audacioso projeto da indústria naval brasileira, segundo a Petrobras. O deckbox, de 17 mil toneladas será erguido e sustentado por 12 guindastes especiais, e será acoplado ao casco. A P-55 deve começar a operar no primeiro semestre de 2013 no Campo de Roncador, na Bacia de Campos.

Chuva intensa e rajadas de vento - que chegaram próximas a 45 km/h na terça-feira (3) - impediram o içamento do deckbox (convés) da plataforma P-55 em Rio Grande. A etapa do processo de mating unirá os módulos ao casco da petrolífera. Como a previsão é de manutenção de condições adversas, a tendência é que a operação seja retomada na quinta-feira (5).


Após a entrada do casco no dique do Estaleiro Rio Grande, a próxima etapa será erguer o convés da P-55 a uma altura de cerca de 45 metros. Ele será encaixado no casco, montando a plataforma. A janela climática deste dia prevê condição adequada.


O mating é o mais audacioso projeto da indústria naval brasileira, segundo a Petrobras. O deckbox, de 17 mil toneladas será erguido e sustentado por 12 guindastes especiais, e será acoplado ao casco. A P-55 deve começar a operar no primeiro semestre de 2013 no Campo de Roncador, na Bacia de Campos.

 



Fonte: Redação / Agência
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar