acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Eletricidade

Leilão de Energia Nova A-5 terá 231 projetos participantes

06/12/2011 | 11h57
Leilão de Energia Nova A-5 terá 231 projetos participantes
Leilão de Energia Nova A-5 terá 231 projetos participantes Leilão de Energia Nova A-5 terá 231 projetos participantes
A Empresa de Pesquisa Energética (EPE) finalizou o processo de cadastramento para o Leilão de Energia Nova A-5 que será realizado no próximo dia 20 de dezembro com o objetivo de suprir a demanda projetada das empresas distribuidoras para o ano de 2016. No total, 231 projetos receberam habilitação técnica para participar do certame, somando 6.286 megawatts (MW) de potência instalada.

Seguindo a tendência dos últimos leilões de energia do Governo Federal, a fonte eólica apresenta um grande número de usinas habilitadas para a licitação: 205 parques de geração através dos ventos, com capacidade total de 5.149 MW. Entre os empreendimentos habilitados tecnicamente estão ainda usinas hidrelétricas, pequenas centrais hidrelétricas (com potência instalada de até 30 MW) e termelétricas movidas a bagaço de cana-de-açúcar.

Até o dia 09 de dezembro, outras usinas hidrelétricas poderão ser habilitadas pela EPE. Para isso, os empreendedores terão que apresentar, conforme estabelecido na regulamentação pertinente, os seguintes documentos: Licença Prévia - LP, emitida pelo órgão ambiental licenciador; e Declaração de Reserva de Disponibilidade Hídrica (DRDH), expedida pela Agência Nacional de Águas.

O presidente da EPE, Mauricio Tolmasquim, destaca que o Leilão de Energia A-5/2011 será composto apenas por fontes renováveis de energia. Segundo ele, a participação de termelétricas a gás natural seria desejável, mas a não habilitação deste tipo de usina não preocupa, dado que já existe uma boa quantidade de empreendimentos térmicos contratada anteriormente.

“O volume de oferta de geração habilitado pela EPE garante que a demanda das distribuidoras de eletricidade será plenamente atendida com as fontes renováveis de energia incluídas neste leilão”, avaliou Tolmasquim.


Fonte: Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar