acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Internacional

Japão anuncia abandono do uso de energia nuclear até 2040

14/09/2012 | 10h05

 

O governo do Japão anunciou planos de abandonar o uso de energia nuclear até 2040. O anuncio foi feito um ano e meio depois do desastre na Usina de Nuclear de Fukushima Daiichi, no Nordeste do país. As usinas atômicas chegaram a produzir um terço da energia do Japão.
A proposta foi sugerida por uma comissão governamental. Depois do acidente em Fukushima, o mais grave da história japonesa, vários países repensaram o uso de energia atômica, entre eles a Alemanha, que deve desligar o seu último reator em 2022.
Em 11 de março de 2011, um terremoto seguido por tsunami gerou explosões e vazamentos na Usina Nuclear de Fukushima. Desde então, a área foi evacuada e uma série de medidas foram adotadas, como a suspensão da produção e da venda de alimentos e carnes produzidos na região.
Paralelamente, o governo japonês passou a estudar ações para reduzir o uso de energia nuclear no país a fim  evitar futuros acidentes, como os registrados no ano passado.

O governo do Japão anunciou planos de abandonar o uso de energia nuclear até 2040. O anuncio foi feito um ano e meio depois do desastre na Usina de Nuclear de Fukushima Daiichi, no Nordeste do país. As usinas atômicas chegaram a produzir um terço da energia do Japão.


A proposta foi sugerida por uma comissão governamental. Depois do acidente em Fukushima, o mais grave da história japonesa, vários países repensaram o uso de energia atômica, entre eles a Alemanha, que deve desligar o seu último reator em 2022.


Em 11 de março de 2011, um terremoto seguido por tsunami gerou explosões e vazamentos na Usina Nuclear de Fukushima. Desde então, a área foi evacuada e uma série de medidas foram adotadas, como a suspensão da produção e da venda de alimentos e carnes produzidos na região.


Paralelamente, o governo japonês passou a estudar ações para reduzir o uso de energia nuclear no país a fim  evitar futuros acidentes, como os registrados no ano passado.

 



Fonte: Agência Brasil
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar