acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Gás Internacional

Iraque aprova companhia de gás em Basra com colaboração de Shell e Mitsubishi

01/07/2010 | 07h50

O objetivo do projeto é o tratamento do gás nas jazidas de Romeila, Zubeir, Qurna Oeste e Machnun. 


 
O Governo iraquiano anunciou nesta quarta-feira que aprovou a criação de uma companhia de gás em Basra, na qual colaborarão a companhia petrolífera anglo-holandesa Shell e a fabricante de veículos japonês Mitsubishi, para investir neste setor.

 

O porta-voz do Governo iraquiano, Ali al Dabbagh, explicou em comunicado que a Companhia estatal de Gás do Sul terá uma participação de 51%, a Shell de 44% e a Mitsubishi de 5% na nova empresa.

 

O objetivo do projeto, que precisa de um investimento de US$ 12,5 bilhões dos quais US$ 6,7 bilhões serão assumidos pela parte iraquiana, é o tratamento do gás nas jazidas de Romeila, Zubeir, Qurna Oeste e Machnun, perto de Basra, 550 quilômetros ao sul de Bagdá, acrescenta a nota.

 

Essas jazidas têm uma produção conjunta calculada em 2,5 bilhões de pés cúbicos de gás diários, segundo Dabbagh.

 

Estima-se que o Iraque tenha reservas de gás natural de 112 trilhões de pés cúbicos. Atualmente o país árabe ocupa o décimo lugar entre os maiores produtores de gás.

 

No entanto, o setor ainda está atrasado no Iraque com relação aos estados vizinhos do Golfo Pérsico, já que uma grande parte do gás se perde quando se extrai petróleo já que ele é queimado devido à falta de recursos técnicos e investimentos.
 
 
 
FONTE: Agencia EFE
 



Fonte: EFE
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar