acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Economia

Inflação em julho recua e fica no teto da meta de 6,5%

08/08/2014 | 09h43

 

O Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) fechou o mês de julho em  0,01%, divulgou hoje (8) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Com o resultado, a taxa acumulada em doze meses ficou em 6,5%, que é o teto da meta do governo.
O indicador, que mede a inflação oficial, havia encerrado o mês anterior acumulando valor superior à meta, aos 6,52%, com uma alta de 0,4% em junho. Em julho do ano passado, o IPCA havia sido de 0,03%.
As contribuições que se destacaram no mês de julho foram dos grupos transportes e despesas pessoais que puxaram a taxa para baixo. Em 2014, a inflação acumulada em sete meses está em 3,76%, acima dos 3,18% do mesmo período de 2013.

O Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) fechou o mês de julho em  0,01%, divulgou hoje (8) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística.

Com o resultado, a taxa acumulada em doze meses ficou em 6,5%, que é o teto da meta do governo.

O indicador, que mede a inflação oficial, havia encerrado o mês anterior acumulando valor superior à meta, aos 6,52%, com uma alta de 0,4% em junho. Em julho do ano passado, o IPCA havia sido de 0,03%.

As contribuições que se destacaram no mês de julho foram dos grupos transportes e despesas pessoais que puxaram a taxa para baixo. Em 2014, a inflação acumulada em sete meses está em 3,76%, acima dos 3,18% do mesmo período de 2013.

 



Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar