acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Evento

Indústria discute os desafios do mercado de gás natural na segunda-feira (22), em São Paulo

22/09/2014 | 10h14

 

Representantes da indústria, acadêmicos e especialistas discutirão na próxima segunda-feira (22), em São Paulo, propostas para ampliar a oferta e fortalecer o mercado de gás natural no país. Atualmente, o Brasil importa cerca de metade de todo o gás natural que consome. Só em 2013, o déficit na balança comercial do combustível atingiu o recorde de US$ 6,9 bilhões. Além disso, o preço final para uma pequena ou média indústria pode alcançar US$ 14 por milhão de BTU, mais que o dobro do praticado no mercado norte-americano.
Organizado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) e pela Associação Brasileira de Grandes Consumidores Industriais de Energia e de Consumidores Livres (Abrace), o evento terá a presença de especialistas do setor, como Edmar Almeida, diretor de Pesquisa do Instituto de Economia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), e Marco Tavares, da consultoria Gas Energy.
Também participarão dos debates, que ocorrerão das 14h às 17h40, no escritório da CNI, em São Paulo, o presidente do Conselho Temático de Infraestrutura da CNI, José de Freitas Mascarenhas, e o presidente da Abrace, Paulo Pedrosa. Foram convidados ainda os formuladores dos programas de governo dos candidatos à Presidência da República Aécio Neves (PSDB), Dilma Rousseff (PT) e Marina Silva (PSB).

Representantes da indústria, acadêmicos e especialistas discutirão na próxima segunda-feira (22), em São Paulo, propostas para ampliar a oferta e fortalecer o mercado de gás natural no país.

Atualmente, o Brasil importa cerca de metade de todo o gás natural que consome. Só em 2013, o déficit na balança comercial do combustível atingiu o recorde de US$ 6,9 bilhões.

Além disso, o preço final para uma pequena ou média indústria pode alcançar US$ 14 por milhão de BTU, mais que o dobro do praticado no mercado norte-americano.

Organizado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) e pela Associação Brasileira de Grandes Consumidores Industriais de Energia e de Consumidores Livres (Abrace), o evento terá a presença de especialistas do setor, como Edmar Almeida, diretor de Pesquisa do Instituto de Economia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), e Marco Tavares, da consultoria Gas Energy.

Também participarão dos debates, que ocorrerão das 14h às 17h40, no escritório da CNI, em São Paulo, o presidente do Conselho Temático de Infraestrutura da CNI, José de Freitas Mascarenhas, e o presidente da Abrace, Paulo Pedrosa. Foram convidados ainda os formuladores dos programas de governo dos candidatos à Presidência da República Aécio Neves (PSDB), Dilma Rousseff (PT) e Marina Silva (PSB).



Fonte: CNI
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar