acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Agronegócio

Indiana Shree Renuka pagará 24% menos por brasileira Equipav

23/06/2010 | 10h21

A Shree Renuka Sugars, maior refinaria da Índia, pagará 24% menos do que o acertado anteriormente pelo controle da brasileira Equipav Açúcar e Álcool, depois que o preço da commodity despencou de uma alta de 29 anos.

A Shree Renuka vai investir US$ 250 milhões, menos que os US$ 329 milhões acordados em fevereiro, pela produtora de açúcar e etanol, disse a empresa indiana em um comunicado enviado hoje (23) à Bolsa de Valores de Mumbai.

A aquisição ajudará a Shree Renuka a garantir estoques de açúcar bruto para aumentar a capacidade de refino que fará frente às necessidades da Índia, Bangladesh, Sri Lanka e Indonésia.

Em março, a refinaria completou a aquisição da brasileira Vale do Ivaí por US$ 82 milhões.

A Equipav vai dar à Shree Renuka 10,5 milhões de toneladas anuais de capacidade de esmagamento no Brasil e ajuda a empresa a alcançar metade de sua necessidade de açúcar bruto, que é de 1,7 milhão de toneladas, disse em fevereiro Gautam Watve, executivo chefe do departamento de estratégia e planejamento.

A escassez de açúcar na Índia, maior consumidor e segundo maior produtor mundial, fez do país um importador líquido da commodity pela primeira vez desde 2006 e levou os preços globais, em fevereiro, a atingirem a maior cotação em 29 anos.

O Banco Itaú e o Motilal Oswal Financial Services foram assessores financeiros e estratégicos da Shree Renuka, disse a empresa em fevereiro.

 



Fonte: Brasil Econômico
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar