acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Oportunidade

Global Energy Essay Contest 2013 recebe trabalhos até dia 28

08/10/2013 | 10h39

 

A organização internacional sem fins lucrativos Global Energy Initiative, com sede em Nova York, nos Estados Unidos, está promovendo um concurso para estudantes de graduação e de pós-graduação de todas as áreas e do mundo inteiro, em que premiará os dois melhores ensaios sobre energia sustentável.
Os autores dos dois melhores textos sobre o tema “Uma visão para a década de energia sustentável (2014-2024) para todos” receberão, respectivamente, US$ 1 mil e US$ 500, além de um convite para participar da Conferência Global sobre Sustentabilidade e Segurança em Energia, na Organização das Nações Unidas (ONU), nos dias 11 e 12 de dezembro, com despesas de passagem, acomodação e visto pagas. O primeiro lugar ainda terá a oportunidade de falar na cerimônia de premiação. Os dez finalistas receberão certificado de participação da Global Energy Initiative.
O concurso representa uma oportunidade para que estudantes apresentem ideias e proponham soluções para os problemas de energia enfrentados pela humanidade.
O tema do ensaio é baseado na declaração da Assembleia Geral das Nações Unidas que determinou que o período de 2014-2024 será a década da energia sustentável para todos.
A proposta do concurso é que os estudantes dirijam a redação ao secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, e que ela contenha alternativas de como usar a energia e fornecê-la de maneira sustentável e acessível. O ensaio deve ser escrito em inglês e ter entre 1.200 e 1.500 palavras. O prazo para a submissão dos trabalhos é 28 de outubro.
Com a missão de promover a energia sustentável para todos a fim de combater a pobreza energética, proteger o ambiente e mitigar os efeitos das mudanças climáticas, a Global Energy Initiative visa criar um novo paradigma em energia que contribua para um desenvolvimento social e econômico mais justo – para o benefício da humanidade em geral, e em especial para os países menos desenvolvidos ou em desenvolvimento.
Mais informações http://globalenergyinitiative.org/our-work/global-sustainable-energy-essay-contest.html

A organização internacional sem fins lucrativos Global Energy Initiative, com sede em Nova York, nos Estados Unidos, está promovendo um concurso para estudantes de graduação e de pós-graduação de todas as áreas e do mundo inteiro, em que premiará os dois melhores ensaios sobre energia sustentável.

Os autores dos dois melhores textos sobre o tema “Uma visão para a década de energia sustentável (2014-2024) para todos” receberão, respectivamente, US$ 1 mil e US$ 500, além de um convite para participar da Conferência Global sobre Sustentabilidade e Segurança em Energia, na Organização das Nações Unidas (ONU), nos dias 11 e 12 de dezembro, com despesas de passagem, acomodação e visto pagas. O primeiro lugar ainda terá a oportunidade de falar na cerimônia de premiação. Os dez finalistas receberão certificado de participação da Global Energy Initiative.

O concurso representa uma oportunidade para que estudantes apresentem ideias e proponham soluções para os problemas de energia enfrentados pela humanidade.

O tema do ensaio é baseado na declaração da Assembleia Geral das Nações Unidas que determinou que o período de 2014-2024 será a década da energia sustentável para todos.

A proposta do concurso é que os estudantes dirijam a redação ao secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, e que ela contenha alternativas de como usar a energia e fornecê-la de maneira sustentável e acessível. O ensaio deve ser escrito em inglês e ter entre 1.200 e 1.500 palavras. O prazo para a submissão dos trabalhos é 28 de outubro.

Com a missão de promover a energia sustentável para todos a fim de combater a pobreza energética, proteger o ambiente e mitigar os efeitos das mudanças climáticas, a Global Energy Initiative visa criar um novo paradigma em energia que contribua para um desenvolvimento social e econômico mais justo – para o benefício da humanidade em geral, e em especial para os países menos desenvolvidos ou em desenvolvimento.


Clique aqui para mais informações.

 



Fonte: Agência Fapesp
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar