acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
publicidade
Gás

Gás Natural São Paulo Sul bate recorde de vendas

02/01/2006 | 00h00

A Gas Natural São Paulo Sul, distribuidora de gás natural para a região Sul do Estado de São Paulo, bateu o recorde histórico de vendas de gás natural em um único dia, atingindo a marca de 1,12 milhão de m³/dia, em 14 de dezembro de 2005. A empresa mantem-se como a 3ª maior distribuidora de gás natural do país em número de clientes e em infra-estrutura de distribuição.

A boa aceitação do gás natural como energético na região Sul do Estado de São Paulo e a maturidade demonstrada por este mercado neste ano farão com que a empresa complete 2005 em cumprimento com todas as projeções de expansão e investimento. A empresa estima ter fechado 2005 com a marca de 22 mil clientes em 14 municípios da região Sul do Estado de São Paulo.

Apenas no ano passado, a Gas Natural São Paulo Sul investiu R$ 75 milhões em redes de distribuição de gás natural, para atender perto de 9 mil novos clientes, contra 7.800 mil atendidos em 2004.  Na comparação entre o acumulado até novembro de 2005 e o mesmo período de 2004, o total de clientes cresceu 54%, de aproximadamente 14 mil para 21,5 mil. Já, as vendas de gás natural na região atendida aumentaram 61% no período analisado, de 195 milhões de m³ para 314 milhões de m³.No acumulado até 2005, a Gas Natural São Paulo Sul já investiu R$ 225 milhões em infra-estrutura de distribuição de gás natural.

A Gas Natural São Paulo Sul chegou em mais três municipios no ano de 2005: Boituva, Cesário Lange e Porto Feliz, atendendo novas indústrias e postos de GNV (gás natural veicular). Para tanto, a empresa investiu R$ 50 milhões para a construção de um ramal de redes de distribuição de gás natural que vai de Porto Feliz até Laranjal Paulista, com 102 km de extensão. Este ramal também vai atender as indústrias de Tietê, Cerquilho e Laranjal Paulista já no início de 2006.

As projeções de investimentos totais da empresa até 2009 são da ordem de R$ 290 milhões. A expectativa é construir mais dois ramais de redes de distribuição de gás natural para atender os municípios de Itapetininga, Angatuba e Botucatu, em 2007.



Fonte: Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar