acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Petrobras

Gabrielli participa de encontro com empresários paulistas

07/04/2011 | 15h37
O presidente da Petrobras, José Sérgio Gabrielli de Azevedo, participou nesta quarta-feira (06/04), no Palácio dos Bandeirantes, da Reunião Estratégica para o Desenvolvimento da Cadeia de Fornecedores do Estado de São Paulo. Também estiveram presentes o secretário de Energia, José Aníbal, representando o governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, e a secretária de Desenvolvimento da Produção do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Heloísa Menezes.

 

O evento tem como objetivo apresentar as oportunidades de fornecimento para a cadeia nacional da indústria de petróleo e gás, tornando-as visíveis em suas diversas partes e módulos. Gabrielli destacou o potencial da indústria e de serviços de São Paulo para a carteira nacional. Até 2014 a Petrobras investirá US$ 27,4 bilhões no Estado, mais de 20% do total de US$ 212,3 bilhões, previstos no Plano de Negócios 2010-2014 da Companhia. Atualmente a Petrobras possui 5.458 fornecedores paulistas aprovados.

 

“Nós temos hoje excesso de oferta de recursos financeiros para a cadeia de produção. Os fundos de investimento possuem patrimônio líquido de mais de R$ 5 bilhões, dos quais são utilizados menos de um”, afirmou Gabrielli. Durante sua apresentação, o presidente lembrou o programa Progredir, que está baseado na concessão de crédito à cadeia de fornecedores, tendo como garantia os recebíveis a serem gerados pelos contratos de bens e serviços firmados pelos participantes da cadeia de suprimento da Companhia. “Nosso objetivo é atingir 255 mil fornecedores”, concluiu o executivo.

 

O presidente Gabrielli destacou também a grande diversidade de oportunidades criadas no Estado além do pré-sal, entre eles os pólos de Mexilhão, Uruguá e Merluza, todos na Bacia de Santos. Destacou também a construção de cinco novas refinarias no país e a ampliação da capacidade de produção de 38% das unidades de São Paulo.


Fonte: Agência Petrobras
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar