acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Energia

Furnas inicia Coleta Pública Permanente de P&D

14/12/2011 | 09h40
Furnas lançou a Coleta Pública Permanente de geração de projetos de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) no Setor Elétrico Brasileiro. O projeto oferece uma nova plataforma, disponível no site da empresa, onde os funcionários e a comunidade científica podem realizar intercâmbio de demandas e soluções criativas para redução de custos, otimização de processos e geração de novos produtos.

Além de atender a Lei 9.991/2000, que prevê investimentos anuais em P&D de 0,4% da receita operacional líquida da empresa, a plataforma abre oportunidade para um número maior de pessoas desenvolverem projetos inovadores e competitivos.

“As mudanças visam estimular o quadro de funcionários a propor inovações que, em sintonia com temas estratégicos, possam ser aplicadas na empresa. Ao mesmo tempo, queremos que as organizações nos tragam suas carteiras de projetos com potencial mercadológico. Dessa forma, agregaremos ainda mais valor operacional e econômico à nossa empresa”, avalia Renato Norbert, gerente do departamento de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação de Furnas. Hoje há, em diversas áreas, 44 projetos em andamento, 16 em contratação e 13 em concepção, para submissão à Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

Para o público interno, a empresa implantou uma ferramenta moderna e objetiva, que permite a postagem de idéias em uma vitrine virtual, de acordo com os seguintes temas: Eficiência Energética, Fontes Alternativas, Expansão do Sistema em Novas Realidades, Sustentabilidade, Gestão Estratégica, entre outros. “Uma vez aprovada pelo Comitê, a ideia é disponibilizada no site de Furnas para análise da comunidade científica e tecnológica, que poderá, a qualquer momento, submeter projetos à aprovação da empresa para atender a demanda”, explica Norbert.

Entidades de pesquisa também poderão oferecer parcerias a Furnas no desenvolvimento de produtos e processos inovadores, a partir de protótipos e sistemas de sua titularidade e que sejam resultado de outros projetos de P&D regulados pela Aneel. “Algumas entidades possuem titularidade de diversas patentes, resultado de projetos de P&D, e que  estão aguardando uma utilização prática. Furnas está abrindo uma oportunidade de firmar parceria para que esses produtos e processos possam virar uma porta de novos negócios no futuro”, afirmou o gerente.


Fonte: Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar