acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Internacional

Furacão Emily faz tremer o preço do petróleo

18/07/2005 | 00h00

O preço do petróleo começa a semana com fortes altas depois que o furacão Emily entrou ontem no Golfo do México. O  West Texas Intermediate (WTI) avanza  0,45% no mercado eletrônico de Nova Iorque e se sitúa a US$ 58,35, chegando a subir mais de  1,30% na primeira hora da manhã.
A cotação do petróleo esteve marcada nas utlimas semanas pela presença de furacões em diversas áreas do Golfo do México, uma área onde estão situados os poços petrolíferos da zona, oque provocaria um importante corte na produção de óleo. O México é o principal exportador de petróleo para os Estados Unidos.
O furacão Emily provocou a suspensão da extração de petróleo em algumas instalações da companhia Petróleos Mexicanos.
Ao outro lado do Altântivo, a cotação do Brente sobe 0,19% e situa-se em US$  57,72, depois de haver fechado a sexta-feira com uma alta de 0,52%.

Opep - A Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) revisou hoje a sua redução de prognósticos sobre o crescimento da demanda mundial de petróleo em 2005 até situar-los em 1,62 milhões de barris diários (mb/d), 150 mil unidades menos do que o cálculo efetuado há um mês.
No informe mensal sobre o mercado petrolífero divulgado hoje em Viena, a Opep atribui esta correçã a "uma desaceleração da atividade econômica" em nível mundial, assim como a "redução no consumo durante o primeiro semestre".



Fonte: Expansión
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar