acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Etanol de milho

FS Bioenergia terá 2ª usina de etanol de milho em MT, investirá R$ 1 bilhão em Sorriso

21/02/2018 | 09h49

A FS Bioenergia, que construiu a primeira usina de etanol 100 por cento do milho do Brasil, anunciou nesta terça-feira que implantará uma segunda unidade de produção do biocombustível a partir do cereal em Mato Grosso, que deverá receber investimentos de 1 bilhão de reais.

A usina, em fase de licenciamento, terá capacidade de produção de 680 milhões de litros de etanol por ano e será construída em Sorriso-- município líder na produção de grãos do Brasil. A empreendimento deverá dar mais uma opção de comercialização para os agricultores locais.

"A região de Sorriso e o Estado do Mato Grosso, como um todo, são extremamente importantes e estratégicos para a FS Bioenergia... Além disso, queremos ser a oportunidade de compra de milho e biomassa confiável e de qualidade para esses produtores", disse presidente-executivo da FS Bioenergia, Henrique Ubrig, em nota.

Prevista para ocupar uma área maior que a primeira unidade de etanol da FS Bioenergia, situada em Lucas do Rio Verde (MT), a usina de Sorriso poderá processar 1,8 milhão de toneladas do cereal por ano, produzindo também 500 mil toneladas de farelo de milho e 20 mil toneladas de óleo de milho.

Considerando as duas usinas combinadas (Lucas do Rio Verde após a expansão e Sorriso), a FS Bioenergia terá capacidade de produção de 1,2 bilhão de litros de etanol, 900 mil toneladas de farelo de milho e 35 mil toneladas de óleo de milho por ano.

A empresa já havia anunciado investimentos de 800 milhões de reais na unidade de Lucas do Rio Verde.

A capacidade combinada das unidades da FS Bioenergia, em Sorriso e Lucas do Rio Verde, deverá somar 3,1 milhões de toneladas, o que representa mais de 10 por cento da produção atual de milho do Estado.

A nova fábrica terá ainda uma capacidade prevista de cogeração de energia de 170 mil MWh por ano, suficiente para abastecer uma cidade de cerca de 70 mil habitantes, segundo a empresa.

A FS Bioenergia é resultado de uma associação entre a brasileira Tapajós Participações S/A a e Summit Agricultural Group, com sede nos Estados Unidos, e foi criada para produzir etanol e coprodutos do cereal em Lucas do Rio Verde.



Fonte: Reuters, 21/02/2018
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar