acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
publicidade
Navio-plataforma

FPSO Cidade do Rio de Janeiro está fundeado na Baía de Guanabara

04/12/2006 | 00h00

O  Cidade do Rio de Janeiro é  um  navio-plataforma do tipo FPSO (sistema  flutuante  de  produção, armazenamento e transferência de óleo) com  aproximadamente  320  metros de comprimento, 54 metros de boca e 30 metros de altura. A unidade terá capacidade para processar, também, 2 milhões e 500  mil  m³ de  gás/dia, e estocar 1 milhão e 600 mil barris de óleo.

 Ele será instalado em lâmina d´água de 1.350 metros e ficará conectado a nove poços submarinos, dos quais cinco produtores de óleo e gás, e quatro injetores de água. O  sistema de produção completo do  FPSO Cidade do Rio de Janeiro possui várias inovações tecnológicas. Entre elas, o S-BCSS, desenvolvido pelo Centro de Pesquisa da Petrobras  (Cenpes), que utiliza um inédito método de bombeamento centrífugo submerso de petróleo para os poços produtores, e que será instalado no fundo do mar.

Essa  tecnologia reduzirá custos operacionais, facilitará a intervenção remota  nos poços conectados e dispensará o uso de sondas de completação, um dos equipamentos de aluguel mais caro no  mercado internacional.  A previsão é de que a nova unidade comece a operar no início de 2007.



Fonte: Petrobras
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar