acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Navio-plataforma

FPSO Cidade de Maricá chega ao Brasil para integração de módulos

13/07/2015 | 10h52
FPSO Cidade de Maricá chega ao Brasil para integração de módulos
Agência Petrobras Agência Petrobras

O navio-plataforma Cidade de Maricá, que será destinado ao pré-sal da Bacia de Santos, chegou ao Brasil e está atracado no Estaleiro Brasa, em Niterói (RJ), para conclusão das operações de içamento e integração de módulos de sua planta. Com capacidade para processar até 150 mil barris de petróleo por dia e comprimir até 6 milhões de m³ de gás, essa plataforma deverá entrar em operação no campo de Lula (área de Lula Alto) no primeiro semestre de 2016.

Convertida a partir de um navio petroleiro VLCC (Very Large Crude Carrier) no estaleiro CXG (China), essa plataforma é do tipo FPSO (unidade flutuante de produção, armazenamento e transferência de petróleo e gás) e será ancorada em profundidade de água de 2.120 metros.
A obra de integração dos módulos será executada pelo Estaleiro Brasa, que também é responsável pela fabricação de seis módulos do FPSO.

O consórcio que detém a concessão do campo de Lula, no bloco BM-S-11, é operado pela Petrobras (65%), em parceria com a BG E&P Brasil (25%) e a Petrogal Brasil (10%). O FPSO Cidade de Maricá foi afretado pela Tupi BV.

Dados técnicos do FPSO Cidade de Maricá:

Capacidade de processamento de petróleo: 150 mil barris/dia
Capacidade de tratamento e compressão de gás: 6 milhões m³/dia
Capacidade de tratamento de água de injeção: 200 mil barris/dia
Capacidade de armazenamento: 1,6 milhão de barris de óleo
Profundidade de água: 2.120 metros
Comprimento Total: 346,5 metros
Boca: 58 metros
Pontal (altura): 32,6 metros



Fonte: Agência Petrobras
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar