acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Bacia de Santos

FPSO Cidade de Ilhabela chega ao Brasil

24/01/2014 | 10h19
FPSO Cidade de Ilhabela chega ao Brasil
FPSO Cidade de Ilhabela/ Agência Petrobras FPSO Cidade de Ilhabela/ Agência Petrobras

 

O FPSO Cidade de Ilhabela, unidade flutuante de produção, armazenamento e transferência de petróleo e gás programada para operar no campo de Sapinhoá, na Bacia de Santos, chegou ao estaleiro Brasa, em Niterói (RJ), para conclusão das operações de içamento e integração de 13 módulos da sua planta de processamento. A nova plataforma foi convertida a partir de um navio petroleiro no estaleiro CXG, na China.
A obra de integração dos módulos será executada pelo estaleiro Brasa em parceria com as empresas SBM Offshore e o Grupo Synergy. O estaleiro também é responsável pela construção de 13 dos 18 módulos da planta de processamento do FPSO.
A plataforma, que tem capacidade para armazenar até 1,6 milhão de barris de óleo, deverá entrar em operação no segundo semestre de 2014. Instalada em profundidade de 2.140 metros, terá capacidade para processar até 150 mil barris por dia (bpd) de petróleo e comprimir diariamente 6 milhões de m³ de gás. O FPSO Cidade de Ilhabela chegou ao Brasil no dia 29 de dezembro e está atracado no estaleiro Brasa desde o dia 12 de janeiro.
O consórcio que detém a concessão do campo de Sapinhoá, no bloco BM-S-9, é operado pela Petrobras (45%), em parceria com a BG E&P Brasil (30%) e a Repsol Sinopec Brasil (25%). O FPSO Cidade de Ilhabela foi afretado ao consórcio SBM/QGOG (Queiroz Galvão Óleo e Gás), que será também responsável pela operação da unidade.
Dados do FPSO Cidade de Ilhabela
Processamento de petróleo: 150 mil barris/dia;
Tratamento e compressão de gás: 6 milhões m³/dia;
Tratamento de água de injeção: 180 mil barris/dia;
Capacidade de armazenamento: 1,6 milhão de barris de óleo;
Profundidade de água: 2.140 metros;
Comprimento Total: 344,9 metros;
Boca: 58 metros;
Pontal (altura): 30,3 metros;
Peso: 75 mil toneladas.

O FPSO Cidade de Ilhabela, unidade flutuante de produção, armazenamento e transferência de petróleo e gás programada para operar no campo de Sapinhoá, na Bacia de Santos, chegou ao estaleiro Brasa, em Niterói (RJ), para conclusão das operações de içamento e integração de 13 módulos da sua planta de processamento. A nova plataforma foi convertida a partir de um navio petroleiro no estaleiro CXG, na China.

A obra de integração dos módulos será executada pelo estaleiro Brasa em parceria com as empresas SBM Offshore e o Grupo Synergy. O estaleiro também é responsável pela construção de 13 dos 18 módulos da planta de processamento do FPSO.

A plataforma, que tem capacidade para armazenar até 1,6 milhão de barris de óleo, deverá entrar em operação no segundo semestre de 2014. Instalada em profundidade de 2.140 metros, terá capacidade para processar até 150 mil barris por dia (bpd) de petróleo e comprimir diariamente 6 milhões de m³ de gás. O FPSO Cidade de Ilhabela chegou ao Brasil no dia 29 de dezembro e está atracado no estaleiro Brasa desde o dia 12 de janeiro.

O consórcio que detém a concessão do campo de Sapinhoá, no bloco BM-S-9, é operado pela Petrobras (45%), em parceria com a BG E&P Brasil (30%) e a Repsol Sinopec Brasil (25%). O FPSO Cidade de Ilhabela foi afretado ao consórcio SBM/QGOG (Queiroz Galvão Óleo e Gás), que será também responsável pela operação da unidade.


Dados do FPSO Cidade de Ilhabela

Processamento de petróleo: 150 mil barris/dia;

Tratamento e compressão de gás: 6 milhões m³/dia;

Tratamento de água de injeção: 180 mil barris/dia;

Capacidade de armazenamento: 1,6 milhão de barris de óleo;

Profundidade de água: 2.140 metros;

Comprimento Total: 344,9 metros;

Boca: 58 metros;

Pontal (altura): 30,3 metros;

Peso: 75 mil toneladas.



Fonte: Agência Petrobras
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar