acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Energia

Falha em transmissão provoca apagão em quatro regiões do Brasil

05/09/2011 | 09h59
Uma falha em quatro linhas de transmissão desligou toda a parte brasileira da hidrelétrica binacional de Itaipu na sexta-feira (2), afetando estados em quatro das cinco regiões do país.

A falha ocorreu às 16h43 nos quatro circuitos, entre a usina e Foz do Iguaçu, desligando automaticamente uma carga de 5.700 megawatts (MW), informou o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) por meio da assessoria de imprensa.

A usina de Itaipu informou em nota que não foi responsável pela falha no fornecimento de energia. De acordo com a hidrelétrica, "a operação da transmissão não é de responsabilidade da empresa".

Segundo a usina, a falha foi causada por um problema no reator da linha de transmissão em 765 kilovolts (kV) que liga Foz do Iguaçu a Ivaiporã, provocando um curto-circuito.

Em consequência, houve desligamento automático da linha "e de todas as linhas que interligam o setor ... da usina de Itaipu com a subestação de Foz do Iguaçu". O defeito teria deixado as turbinas do setor "girando em vazio", ou seja, sem ter como transmitir a energia.

Do total de 5.700 MW, estima-se que a perda de carga foi de 2.200 MW, segundo o ONS, que reavaliou os dados - o que significa que uma parte foi recomposta com outras usinas em funcionamento. Inicialmente, a projeção do operadora era de 3 mil MW de perda de carga.

Dos 2.200 MW, 1.200 MW perdidos foram na região Sudeste, 200 MW no Centro-Oeste, 200 MW entre Acre e Rondônia, no Norte, e 600 MW na região Sul. O Brasil operava com cerca de 61.300 MW. Na primeira avaliação, o operador havia informado que Mato Grosso do Sul e todos os estados do Sul e do Sudeste haviam sido afetados.

O sistema começou a ser recomposto às 17h01, segundo Itaipu, atingindo o valor máximo solicitado pelo ONS às 18h. O ONS informou que às 17h11 o sistema estava restabelecido.

A usina é compartilhada por Brasil e Paraguai. Pelo Tratado de Itaipu, cada país tem direito a 50% da energia da usina de 14 mil megawatts (MW). O Paraguai, porém, não utiliza toda a sua parte e vende o excedente ao Brasil.

Em novembro de 2009, um blecaute deixou 18 estados sem energia por pelo menos quatro horas.


Fonte: Agência Reuters
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar