acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
publicidade
Aço

Fabricante alemão investe no Brasil

23/09/2008 | 04h40

O grupo alemão produtor e distribuidor de aços-ferramenta e aços inoxidáveis Schmolz + Bickenbach está investindo 3 milhões de euros no segmento de aços especiais para construção mecânica da sua filial brasileira e instalação de um laboratório de controle de qualidade até o final de 2009.

 

O valor será usado na compra de maquinário e equipamentos de corte e usinagem, novas ferramentas e a instalação de novo laboratório de controle de qualidade e desenvolvimento focado na área de energia. Os investimentos são parte do planejamento estratégico da empresa para aumentar a atuação no Brasil na indústria de óleo e petróleo.

 

Segundo o grupo, será explorado o potencial econômico do pré-sal atendendo a demanda dos seus clientes, que trabalham com indústrias petrolíferas como a Petrobras. O grupo analisou a importância do pré-sal no mundo decidiu fazer esse investimento" disse o diretor de Marketing e Vendas da empresa do Brasil, Douglas de Paula e Silva.

 

"Com os investimentos, nós vamos eliminar alguns gargalos que a filial brasileira tem e poderemos atender a futura demanda do pré-sal" afirmou.

 

Segundo o executivo, o Brasil é o pólo central das usinas da Schmolz + Bickenbach para a distribuição de seus produtos na América do Sul. "A previsão é que a região apresente crescimento considerável nos próximos anos, com destaque na área de óleo e petróleo. O Brasil será uma das bases mais fortes do grupo", afirmou.

 

Cerca de 20% do faturamento atual da companhia corresponde a área de aços especiais voltados para construção mecânica. Além disso, a empresa está lançando no país uma chapa de alumínio para o setor automotivo. A chapa importada é quase 30% mais leve que as disponíveis atualmente no mercado e é única do gênero no mercado.

 

Por R$ 1,5 milhão a companhia inaugurou recentemente a nova sede em São Paulo, com a presença do presidente do grupo Schmolz + Bickenbach na Alemanha, Benedikt Niemeyer.

 

A nova sede abriga a administração, a área de armazenamento e um centro de distribuição de aços da empresa no Brasil.



Fonte: Jornal do Commercio
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar