acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Mercado

Exxon questiona viabilidade de biocombustível

19/01/2007 | 00h00

A gigante petrolífera Exxon Mobil Corp., apesar de duvidar da viabilidade econômica do etanol, anunciou , nesta quinta-feira, que poderá considerar a produção do biocombustível sob condições adequadas.

A maior empresa do mundo do setor expressou dúvidas quanto à viabilidade econômica do etanol. Porém, quando questionada se entraria nesse mercado, o vice-presidente sênior Stuart McGill respondeu: "Nunca diga nunca".

McGill ressaltou que a companhia ainda acredita que o etanol - sem obrigatoriedade ou subsídios -não é competitivo atualmente com o petróleo em base econômica. Mesmo assim, abriu as portas para produzi-lo, caso se torne proposta viável de negócio.

A Exxon prevê que apenas 2% da demanda mundial por hidrocarbonetos será atendida pelo biocombustível em 2030. Na semana que vem, o presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, deve defender aumento maciço no uso americano de etanol, de acordo com fontes que tiveram acesso aos planos da Casa Branca.

Uma fonte orientada por autoridades do governo americano disse que o discurso de Bush no dia 23 de janeiro poderia conter apelo para a mistura de mais de 60 bilhões de galões (227 bilhões de litros) de etanol por ano na gasolina dos EUA até 2030. Este seria um aumento significativo em comparação aos 7,5 bilhões de etanol até 2012, requeridos pela atual legislação norte-americana.



Fonte: Jornal do Commercio
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar