acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Mineração

Exposibram reúne especialistas que destacam investimentos e novos negócios

30/09/2011 | 11h57
Com investimentos cada vez maiores no setor de mineração, e ativos atrativos para o mercado mundial, a América Latina deve receber investimentos de cerca de US$ 235 bilhões - de acordo com o Centro de Estudios del Cobre y la Minería (Cesco) do Chile. O Brasil se destaca neste cenário, e de acordo com o Cesco receberá cerca de US$ 58 bilhões, até 2015, em investimentos no setor de mineração, se tornando alvo importante para as exportações das empresas fornecedoras da área.

Durante esta semana, o setor se reuniu em Belo Horizonte na Exposibram, com um público estimado de 45 mil visitantes que conferiram as novidades trazidas pelos 400 expositores de delegações internacionais de 21 países, como África do Sul, Alemanha, Argentina, Austrália, Áustria, Brasil, Canadá, Chile, China, entre outros. Durante o evento diversos especialistas afirmaram que a mineração brasileira terá um desempenho positivo nos próximos anos em relação aos investimentos. Nesse sentido, o diretor-presidente do Instituto Brasileiro de Mineração (Ibram), Paulo Camillo Penna, avaliou que "a produção de minerais vai se duplicar até 2015, chegando perto de 771 milhões de toneladas".


Presença chilena

A delegação chilena - coordenada pela ProChile - foi composta por sete empresas, que fazem parte do grupo chileno de fornecedoras de bens e serviços especializados para a mineração: FISA - Expomin 2012,  Minnovex, Ingeniería de Minerales, Mainservice, HidraulicaDumont, Revesol - SalfaCorp e revista Nueva Minería y Energía.

Os executivos chilenos se mostraram satisfeitos com os resultados, pois não só tiveram a oportunidade de tornar conhecidos os seus produtos e serviços, mas também de gerar oportunidades de negócios com as principais companhias de mineração do Brasil, tais como a Vale, a Anglo Gold Ashanti, a VotarantimMetais e a Anglo American e a Caraíba, entre outras.

A gerente geral da Minnovexgrupo, Alejandra Molina, exportadora de equipamentos, máquinas, insumos e serviços para mineração, disse que o "Brasil é um mercado muito atraente e, por isso, estamos presentes na Exposibram 2011, demonstrando toda a experiência desenvolvida por nossas empresas fornecedoras, que buscam consolidar e gerar novas oportunidades de negócios".


Fonte: Redação/ Agência
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar