acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Gás natural

Expansão ameaçada

30/08/2005 | 00h00

Ex-ministro: queima de combustível põe em xeque plano de negócios da Petrobras.

O aumento da queima do gás natural pela Petrobras no processo de produção de petróleo torna muito mais difícil a meta de produção do insumo prevista pela empresa em seu novo Plano de Negócios anunciado na semana retrasada. Autor do alerta, o ex-ministro de Minas e Energia Rodolpho Tourinho adverte que, se quiser ampliar a oferta de gás do país - e com isso impedir um novo racionamento de energia em 2010 -, a empresa terá que reduzir drasticamente o total de gás queimado principalmente na Bacia de Campos e em Urucu (AM).
Segundo reportagem publicada no domingo pelo JB, a estatal aumentou em 150%, em um ano, o total de gás queimado durante a extração do petróleo. De maio de 2004 a maio de 2005, saltou cerca de 3 milhões de metros cúbicos por dia para 10,1 milhões.
Autor do projeto do novo marco regulatório do setor de gás natural, que se encontra na Comissão de Constituição e Justiça do Senado, o hoje senador pelo PFL da Bahia acredita ser possível aprovar a nova lei do gás antes de outubro, para quando está prevista a 7ª Rodada de Licitações de Áreas de Exploração, promovida pela Agência Nacional do Petróleo. Do contrário, afirmou, o país corre o risco de ficar de novo sem energia a partir de 2010.
- O país vive uma situação semelhante à que vivíamos às vésperas de 2001, quando houve o racionamento. A semelhança reside na solução prevista nos dois casos: a necessidade de se construir usinas termelétricas a gás - afirmou o ministro, em almoço com empresários promovido pela Câmara de Comércio Americana.
Entre dezembro de 2005 (quando está previsto o leilão de energia nova) e 2010, não há tempo hábil para se construir hidrelétricas, alertou.



Fonte:
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar