acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Rio Pipeline 2011

Estudo identifica necessidade de normas certificadoras para dutos terrestres

22/09/2011 | 10h53

Os órgãos reguladores precisam criar normas certificadoras para projetos e fabricação de dutos terrestres. Esta foi a conclusão do estudo apresentado durante sessão técnica ontem (21), na Rio Pipeline, principal evento da indústria dutoviária promovido pelo Instituto Brasileiro de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (IBP), com a participação da American Society of Mechanical Engineers (ASME).

Na opinião do gerente do Bureau Veritas e um dos autores do estudo, Bruno Pitella, a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) poderia promover a discussão junto aos órgãos certificadores e toda a indústria para diminuir os riscos de acidentes com dutos terrestres. “Há inúmeros projetos de dutos no país, o tema precisa ser discutido, pois a nossa grande preocupação é evitar problemas de impactos ambientais”, defende.

Pitella lembra ainda que o processo de certificação já é prática comum no caso dos projetos e fabricação dos dutos submarinos. Segundo ele, os custos são maiores e as atividades envolvem grandes riscos, por isso as empresas construtoras e projetistas já utilizam o critério. “Vale ressaltar que a Petrobras exige um nível mínimo de certificação, mas para dutos terrestres isso ainda não é praticado”, critica.



Fonte: Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar