acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Energias Alternativas

Estatal disputa hoje o leilão de energia eólica

25/08/2010 | 09h37
Vários empreendimentos de geração de energia podem sair do papel, inclusive em Pernambuco, caso sejam vencedores do leilão de fontes alternativas, realizado hoje e amanhã pelo governo federal.

A companhia paulista Ecopart participará com um projeto que prevê a implantação de um parque eólico na Chapada do Araripe, em Exu, enquanto o Grupo Cornélio Brennand deve participar com um projeto para construir uma Pequena Central Hidrelétrica (PCH) na Mata Sul. A disputa também vai contar com a participação da Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf) em sete parques de geração eólica distribuídos entre a Bahia, sendo um próximo ao reservatório de Sobradinho, e o Ceará.

No atual modelo do setor elétrico, as empresas oferecem a energia no leilão. Quando conseguem vender a produção, constroem o empreendimento.“A implantação de parques eólicos é irreversível no Brasil porque essa energia se tornou competitiva”, comentou o diretor comercial da consultoria Multiempreendimentos, Luiz Carlos Ribeiro. Ele argumentou que é uma forma rápida de implantar uma empresa de geração de energia. “Um parque eólico pode ser instalado num prazo de dois anos”, concluiu.


Fonte: Jornal do Commercio (PE)
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar