acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Licitação

Entrega dos envelopes foi adiada para 16 de janeiro

20/12/2005 | 00h00

A entrega dos envelopes com as propostas para a construção dos primeiros 26 navios do Programa de Modernização e Expansão da Frota foi adiada para o dia 16 de janeiro. O prazo já havia sidoprorrogado do dia 28 de novembro para 28 de dezembro a pedido dos estaleiros e consórcios participantes da licitação.

Novamente, o motivo do adiamento foram as solicitações de extensão do prazo enviadas à estatal de transportes por todos os estaleiros e consórcios que estão participando da licitação, bem como do Sindicato Nacional da Indústria da Construção Naval (Sinaval), informou a Transpetro.

A empresa esclarece na nota que as etapas do processo estão sendo desenvolvidas com total transparência, com a participação de todos os segmentos envolvidos: sindicatos de trabalhadores marítimos, metalúrgicos e petroleiros; empresários; governo e centros de pesquisa e tecnologia.

"O Programa de Modernização e Expansão da Frota não é um projeto apenas da Transpetro ou da Petrobras. É estratégico para o Brasil, pois representa o renascimento da indústria naval de grande porte, que tem forte potencial de geração de empregos e de desenvolvimento econômico", se lê no comunicado.

O modelo de encomendas utilizado pela Transpetro estabelece um novo paradigma para a indústria naval brasileira, pois possibilita aos estaleiros investir na produção em escala, garantindo a competitividade em nível internacional e abrindo caminho para o desenvolvimento de uma indústria sustentável, que irá produzir navios para o Brasil e o exterior.

Dessa forma, a indústria de grandes navios brasileiros poderá recuperar posição de destaque no cenário mundial, disputando uma fatia de um mercado internacional, que constrói mais de mil navios por ano, movimentando cerca de US$ 70 bilhões.



Fonte: Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar