acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
2º Enagás

Encontro debate mercado de gás LP em Brasília

18/08/2011 | 15h45

Começou hoje, em Brasília, a segunda edição do Encontro Nacional de Gás LP (Enagás). Até amanhã (19), o evento promovido pelo Sindicato Nacional das Empresas Distribuidoras de Gás Liquefeito de Petróleo (Sindigás) pretende debater novas tecnologias de pagamento, gestão de negócio, treinamento de profissionais, erradicação no comércio ilegal, logística eficiente e os desafios para melhorar a qualidade do serviço ao consumidor final.

 

O encontro reúne especialistas, autoridades, líderes e representantes do segmento de gás LP. Paralelamente, o 2º Enagás conta ainda com uma feira que traz as últimas novidades em produtos e serviços da área. A expectativa do Sindigás é receber um público de 500 pessoas ao evento.

 

Hoje pela manhã durante a mesa de abertura do evento, o próspero cenário atual de gás LP no país foi exaltado por todos os debatedores, que destacaram entre os principais resultados positivos do mercado as ações do Programa Gás Legal, iniciativa promovida pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) e o Sindigás para combater a revenda irregular do Gás LP.

 

Segundo o presidente do Sindigás, Sergio Bandeira de Mello, a perspectiva atual do setor é muito boa. Passamos por um momento de depressão no ano 2000, quando o pipeline Brasil-Bolívia foi deitado à frente dos nossos maiores consumidores, mas agora o momento é outro. "Não é um momento de euforia, mas de percepção de valor, porque nós distribuidores já nos demos conta que lidamos com um produto muito bom e competitivo, mas precisamos passar isso adiante, não para os nossos consumidores - pois eles na maioria não tem queixa a fazer - mas às autoridades e à Petrobras que não veem as inúmeras oportunidades deste mercado", afirmou.

 

A mesa de abertura contou ainda com a participação de Carlos Roberto Martins Barbosa, gerente geral de produções especiais da Petrobras; Allan Kardec, diretor da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP); e Francisco Correia, presidente do Sindicato de Revendedores do Rio Grande do Norte.

 

"Gás LP: Energia Excepcional" foi o primeiro painel do encontro. Na ocasião, Rubem Mesquita Vieira, diretor de planejamento e marketing da SHV Gás Brasil e o 1º vice-presidente da AIGLP (Associação Ibero-Americana de Gás LP) justificou o tema do painel, apresentando as principais vantagens e diferenciais do gás LP que o classificam, segundo ele, como uma energia excepcional: "O Gás LP é uma energia limpa, versátil, segura, de fácil armazenagem e distribuição, abundante, disponível, democrática - pois chega à 95% ds lares dos brasileiros, tem custos competitivos e mais acessíveis que o gás natural e a energia elétrica, é um produto velho conhecido e possui soluções modernas", enfatizou.

 

Até o final do dia serão debatidos ainda as novas tecnologias de pagamento para melhor atender o consumidor, treinamento da revenda como diferencial competitivo, planejamento e gestão de negócios e a garantia da excelência em serviço através de uma logística eficiente.

 

Mais informações e programação completa: www.sindigas.org.br/enagas2011

 

 



Fonte: Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar