acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Brasil Offshore

Empresários acreditam na retomada do setor

23/06/2017 | 12h08

A nona edição da Brasil Offshore já proporcionou o fechamento de diversos negócios e superou a expectativa de muitos empresários. A feira, terceira maior de petróleo no mundo, foi aberta na última terça-feira (20), no Centro de Convenções Jornalista Roberto Marinho, em Macaé, e termina nesta sexta-feira (23).

Paulo Frizela, proprietário da Viferro Ferramentas, estabelecida há 30 anos em Vitória, no Espírito Santo, e com estande no evento, anunciou a instalação de uma loja no bairro Novo Cavaleiros, em Macaé, entre 60 a 90 dias. "Estamos pensando no futuro, buscando novas alternativas", afirmou. À princípio serão gerados 15 empregos.

Em breve, o município também terá uma filial da Escola Técnica Centro Rio, de qualificação profissional. "A cidade é propícia para nossa atividade. Acreditamos muito no potencial de Macaé", disse o gerente comercial Julio Cezar Dias. Um imóvel de 1,2 mil metros quadrados já foi alugado no Centro da cidade. Os trabalhos começam entre 90 a 120 dias.

Também empolgado, o diretor da Edra Óleo e Gás, João Pirillo, comemorou o fechamento de um contrato com a Petrobras para a reforma de quatro plataformas de petróleo (PCH 1, PCH 2, PV 25 e PCE). "Só esse negócio já valeu nossa presença na Brasil Offshore. A Feira ultrapassou nossas projeções e ainda temos novas perspectivas", enalteceu.

Gerente geral da Tecno Teste - Tecnologia e Serviços, Emanuel Candeco começou a se preparar para o evento há seis meses, quando passou a estudar minuciosamente detalhes sobre os possíveis expositores. "Consegui muitos contatos interessantes. Em dois dias já fechei três negócios. Os participantes estão muito focados em resultados", elogiou.

O secretário adjunto de Trabalho e Renda de Macaé, Leonardo Pessanha, destacou a estrutura oferecida pelo município. "Estamos visitando todos os estandes para realizar uma pesquisa sobre as empresas. Entre outras questões, levantamos o número de empregados, a área de atividade e se está ou não estabelecida em Macaé. O saldo é positivo", comentou.



Fonte: Redação/Assessoria
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar