acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Empresas

Eike suspende ideia de abrir capital da EBX

14/04/2010 | 14h44

O empresário Eike Batista suspendeu seus planos de fazer uma oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) da sua holding, a EBX. Ele pretende esperar que o valor de mercado de suas empresas triplique antes de abrir o capital da controladora.

 

 

"Não há meio de considerar um IPO da EBX", disse o bilionário em entrevista concedida ontem à TV Bloomberg."O valor de mercado de nossas empresas hoje é de US$ 44 bilhões. Antes de chegar a US$ 100 bilhões, US$ 120 bilhões, não faremos IPO da EBX."

 

 

No fim de março, Eike não descartava abrir o capital da holding, embora não tivesse definido detalhes nem data da operação. No seminário Invest in Rio, promovido pelo Valor e WSJ, o homem mais rico do Brasil segundo o ranking da revista Forbes disse que a oferta de ações seria uma possibilidade de obter recursos para financiar projetos, mas que não havia pressa. Indagado pelo Valor se a abertura do capital poderia ocorrer neste ano, respondeu:"Quem sabe? Operamos de forma flexível."

Em março, o empresário conduziu a abertura de capital da OSX, braço de construção de navios e plataformas, que levantou cerca de US$ 1,8 bilhão - menos da metade do inicialmente previsto.

Na entrevista à TV Bloomberg, Eike afirmou também que o projeto do Porto do Açu, no norte do estado do Rio, pode atrair US$ 40 bilhões em dez anos. Ele disse que pretende se encontrar na próxima sexta-feira com representantes de 65 empresas interessadas em investir e participar do projeto. Nesse dia, a EBX e a chinesa Wisco vão assinar um acordo de parceria estratégica com vistas à instalação de uma siderúrgica no Porto do Açu.

 

 

(Paula Cleto | Valor)



Fonte: Valor Econômico
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar