acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Eletricidade

Eike Batista inaugura usina; Dilma, o Tmut

02/08/2011 | 10h16
A primeira usina comercial de energia solar do Brasil, localizada em Tauá, será inaugurada na próxima quinta-feira (4) com a presença do megaempresário Eike Batista, responsável pelo empreendimento, e do ministro de Minas e Energia, Edison Lobão. Como adiou sua visita ao Ceará, a presidente Dilma Rousseff não participará mais do evento. Ela deverá comparecer, no próximo dia 11, na inauguração do Terminal de Múltiplo Uso (Tmut), no Porto do Pecém, e participará a cerimônia de início oficial da terraplanagem da Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP).

A MPX Tauá, como é chamada a usina, já está operando, com uma capacidade de produção de 1 megawatt (MW), energia suficiente para abastecer 1.500 residências. Para isso, conta, em uma área de 12 mil metros quadrados, com 4.680 painéis fotovoltaicos. Estes captam os raios solares, transformando-os em energia, que é levada, através de uma linha de dois quilômetros, ao Sistema Interligado Nacional (SIN).

O empreendimento envolveu investimentos de R$ 10 milhões, e deverá, futuramente, ter sua capacidade expandida para 5 MW, já autorizados pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

Adiada por conta da agenda da presidente, a inauguração do Tmut será a apresentação da primeira grande obra de infraestrutura do governo Cid Gomes. Após dois anos e meio de obras, o Tmut é a primeira fase de ampliação do Terminal Portuário do Pecém. Orçado em R$ 420 milhões, o empreendimento possui retroárea de quase nove hectares, que serão utilizados para recepção e transbordo de contêineres e cargas em geral. O novo terminal já está recebendo navios em operações de teste.

A visita de Dilma Rousseff será aproveitada também para celebrar oficialmente o início do processo de terraplanagem da siderúrgica, apesar de este já ter começado desde junho passado. A CSP é o principal empreendimentos estruturante com obras em andamento no Ceará. Com investimentos de US$ 4,5 bilhões, a usina deverá iniciar suas operações em 2014.
 

Cid irá a Bogotá

O governador Cid Gomes deverá estar presente da solenidade do dia 11, mas não irá à inauguração da usina solar. O chefe do executivo estadual estará em Bogotá, participando do Primeiro Fórum de Investimentos Colômbia-Brasil, lançado pelo presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, o ex-presidente Lula da Silva e o presidente do BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento), Luís Alberto Moreno.

Cid será um dos palestrantes, juntamente com o ministro Paulo Bernardo (Comunicações), e os governadores Geraldo Alckmin, Sérgio Cabral e Eduardo Campos (São Paulo, Rio de Janeiro e Pernambuco, respectivamente). O encontro reunirá mais de 500 líderes mundiais, incluindo Sergio Gabrielli de Azevedo (Petrobras), Jorge Gerdau (Grupo Gerdau) e Guilherme Leal (Natura).


Fonte: Diário do Nordeste
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar