acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Evento

Edição 2013 da Brasil Offshore será a maior já realizada

22/05/2013 | 13h04

 

A 7ª edição da Brasil Offshore, que acontece de 11 a 14 de junho em Macaé, será a maior já realizada. Segundo os organizadores do evento, o número de expositores confirmados chega a 720. O evento contará com um pavilhão de 37 mil m2 - 2 mil a mais que em 2011.
A edição conta também com 105 expositores internacionais, que ficarão distribuidos em sete pavilhões. Em 2013, a China vem com o maior número de empresas, 30 no total, seguida de Estados Unidos, com 21 empresas, e Reino Unido, com 20 empresas.
Expectativa de negócios é alta
Com o sucesso da 11ª Rodada de licitações da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), a expectativa para a realização de negócios, tanto para quem quer vender produtos e serviços, quanto para quem quer adquiri-los, é grande. Segundo o superntendente da Organização Nacional da Indústria do Petróleo (Onip), Ricardo Musso, são esperadas cerca de 500 reuniões na rodada de negócios, que acontece durante o evento, o que deve movimentar uma cifra aproximada de R$ 170 milhões.
Entre as empresas âncora estão: Petrobras, Aker Solutions, Baker Hughes, Shell, Arpotec, Asca, Cameron, Estaleiro EISA, Estaleiro Mauá, TCE, Forship, G-Comex, Transpetro, UTC e WEG.
Musso também confirmou que a edição terá uma rodada tecnológica. "No primeiro dia do evento (11/06) nós realizaremos uma rodada tecnológica, onde empresas asistirão apresentações de empresas brasileiras de base tecnológica", disse.
Debates técnicos
Com 50 palestrantes nacionais e internacionais, as sessões técnicas serão voltadas para a integridade de poços. As palestras serão divididas em Interface de poço reservatório, Escoamento e engrnharia submarina e Instalação e produção. Pela primeira vez os três dias de conferência técnica serão gratuitos.
Desenvolvimento da região
Ao todo a feira irá gerar 17,5 mil empregos diretos e indiretos, com mão de obra totalmente local. Segundo a organização do evento, somente a montagem e desmontagem das tendas de exposição irão demandar 2,5 mil posições.
Atualmente, atuam na cidade de Macaé cerca de 500 empresas que trabalham no setor de óleo e gás, e aproximadamente 150 mil profissionais ligados ao setor - 10 mil ligados à Petrobras.
A Bacia de Campos possui reservas em torno de 10 bilhões de barris de petróleo, sem contar os potenciais reservatórios da camada pré-sal.

A 7ª edição da Brasil Offshore, que acontece de 11 a 14 de junho em Macaé, será a maior já realizada. Segundo os organizadores do evento, o número de expositores confirmados chega a 720. O evento contará com um pavilhão de 37 mil m2 - 2 mil a mais que em 2011.


A edição conta também com 105 expositores internacionais, que ficarão distribuidos em sete pavilhões. Em 2013, a China vem com o maior número de empresas, 30 no total, seguida de Estados Unidos, com 21 empresas, e Reino Unido, com 20 empresas.



Expectativa de negócios é alta


Com o sucesso da 11ª Rodada de licitações da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), a expectativa para a realização de negócios, tanto para quem quer vender produtos e serviços, quanto para quem quer adquiri-los, é grande. Segundo o superntendente da Organização Nacional da Indústria do Petróleo (Onip), Ricardo Musso, são esperadas cerca de 500 reuniões na rodada de negócios, que acontece durante o evento, o que deve movimentar uma cifra aproximada de R$ 170 milhões.


Entre as empresas âncora estão: Petrobras, Aker Solutions, Baker Hughes, Shell, Arpotec, Asca, Cameron, Estaleiro EISA, Estaleiro Mauá, TCE, Forship, G-Comex, Transpetro, UTC e WEG.


Musso também confirmou que a edição terá uma rodada tecnológica. "No primeiro dia do evento (11/06) nós realizaremos uma rodada tecnológica, onde empresas assistirão apresentações de empresas brasileiras de base tecnológica", disse.


Debates técnicos


Com 50 palestrantes nacionais e internacionais, as sessões técnicas serão voltadas para a integridade de poços. As palestras serão divididas em Interface de poço reservatório, Escoamento e engenharia submarina e Instalação e produção. Pela primeira vez os três dias de conferência técnica serão gratuitos.



Desenvolvimento da região


Ao todo a feira irá gerar 17,5 mil empregos diretos e indiretos, com mão de obra totalmente local. Segundo a organização do evento, somente a montagem e desmontagem das tendas de exposição irão demandar 2,5 mil posições.


Atualmente, atuam na cidade de Macaé cerca de 500 empresas que trabalham no setor de óleo e gás, e aproximadamente 150 mil profissionais ligados ao setor - 10 mil ligados à Petrobras.


A Bacia de Campos possui reservas em torno de 10 bilhões de barris de petróleo, sem contar os potenciais reservatórios da camada pré-sal.



Fonte: Revista TN Petróleo, Redação
Autor: Karolyna Gomes
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar