acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Mercado

Ecodiesel: interesse por oferta deve subir

14/11/2006 | 00h00

Redução da procura fez valor inicial ficar abaixo do mínimo

O adiamento da estréia da Brasil Ecodiesel na Bolsa de Valores de São Paulo, previsto para a última segunda-feira, pode ter sido uma boa cartada para o retorno dos investidores à oferta primária. Dúvidas sobre o acionista majoritário da empresa fizeram com que pequenos acionistas quisessem cancelar as reservas. O adiamento permite o cancelamento, mas permite também que a empresa esclareça as dúvidas. O preço de lançamento - abaixo do previsto devido à redução da demanda - pode ser boa oportunidade. A oferta poderá ter lote suplementar.

Os rumores de que o fundador e ex-controlador da empresa, Daniel Birmann, seja o controlador da Eco Green Solutions, empresa que detém 47,7% do capital da Brasil Ecodiesel, causou insegurança em alguns investidores. No entanto, a existência de um acionista oculto, contanto que isso conste no prospecto do lançamento, está prevista na lei.

Além disso, mesmo que acionista seja Birmann, não existe problema legal, de acordo com a assessoria da Comissão de Valores Mobiliários (CVM). Daniel Birmann foi condenado pela CVM a nunca exercer cargo de administração em companhias abertas. Foi considerado culpado em quatro processos administrativos, entre eles uma condenação por abuso de poder de controle e descumprimento de deveres de diligência e lealdade.

Mas isso não impede que ele seja acionista, mesmo que majoritário, informou a CVM. O adiamento da estréia na Bovespa foi decisão da própria empresa e não uma determinação da autarquia, para esclarecimentos. A entrada da empresa na Bolsa foi adiada para o próximo dia 22. Ou seja, até a véspera, quem fez a reserva pode cancelar a participação. A redução da procura na última semana fez com que o preço de lançamento saísse 30% abaixo da faixa mínima. O preço inicial será de R$ 12 por ação, enquanto os coordenadores da oferta previam que o valor ficasse entre R$ 17 e R$ 22. Com isso, foram arrecadados pela empresa R$ 378,932 milhões.

Apesar de o preço mais baixo significar a perda de interesse pela oferta, pode vir a ser também uma boa oportunidade de compra. A empresa, pioneira no setor de biocombustíveis, tem perspectivas promissoras, de acordo com analistas. Trata-se do lançamento de ações da primeira empresa do setor no País a entrar na Bolsa

 - O projeto de biodiesel é grande e a empresa deve ter o mercado ampliado cada vez mais. É um setor do futuro. O partido democrata americano, por exemplo, é a favor do combustível limpo. Os clientes acreditam na operação. Procuraram-nos até agora para tirar dúvidas, mas não cancelaram a compra do papel, porque acreditam na proposta da empresa - diz um analista que não preferiu não se identificar. O temor do mercado é de que possa acontecer o mesmo ocorrido no caso da Sundown, produtora de bicicletas, que marcou a entrada na Bolsa, adiou o lançamento por instabilidade do mercado externo e acabou cancelando a oferta.



Fonte: Jornal do Commercio
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar