acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
publicidade
Mistura

Distribuidoras prevêem que gasolina pode ficar até 4 centavos mais barata

21/11/2006 | 00h00

O consumidor deve sentir em até duas semanas os efeitos da ampliação da mistura de álcool anidro à gasolina, de 20% para 23%, que passou a vigorar desde ontem (20/11). O Sindicato Nacional das Empresas Distribuidoras de Combustíveis e Lubrificantes (Sindicom) calcula que o preço do litro da gasolina ficará entre R$ 0,02 e R$ 0,04 mais barato das distribuidoras para os postos. De acordo com o vice-presidente executivo do órgão, Alísio Vaz, a competitividade do mercado será um fator natural para que o preço da gasolina caia, com maior volume de álcool misturado. Segundo ele, fatalmente os postos repassarão a redução para o consumidor final nas bombas.
O aumento de 20% para 23% vai representar um consumo adicional de cerca de 300 milhões de litros de álcool até o dia 30 de abril de 2007, quando termina a safra 2006/07. O governo já avalia retomar os 25% de álcool anidro, que anteriormente era misturado à gasolina, a partir de janeiro.

 



Fonte: Jornal do Commercio
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar