acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Internacional

Desafios na busca de novas reservas

14/04/2004 | 00h00
Países como Rússia, Nigéria, Angola, China e a região da América Latina tornaram-se mais atraentes para o setor petrolífero dos Estados Unidos na medida em que as restrições para a busca de novas reservas forçaram os executivos do setor de petróleo e gás a procurar fontes adicionais no exterior.
O ambiente de negócio foi deslocado dramaticamente e o novo padrão para ter acesso a territórios promissores não envolve apenas capital e conhecimento técnico, mas também comprometimentos para o crescimento sustentável, direcionamento de negócios locais e requerimentos legais, responsabilidade social, segurança e manejo de várias parcerias", avalia Reid Morrison, diretor executivo e chefe do setor de Petróleo e gás da BearingPoint, Inc., uma das maiores firmas de consultoria empresarial e de integração de sistemas do mundo.
De acordo com Morrison, isso cria o desafio de maximizar o desempenho operacional, que inclui estabelecer cadeias de suprimento com fornecedores globais e nativos, manter o controle dos níveis de estoque em locais remotos e integrar sistemas e plataformas de múltiplas tecnologias.
"A dinâmica da indústria atual vai mudar significativamente nos próximos anos para operações domésticas e internacionais", acrescenta Morrison. "Existem novos custos para fazer negócios, como a cooperação entre governos em desenvolvimento e companhias de petróleo nacionais e também a atividade de responsabilidade social e administração ambiental".

Fonte: Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar