acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
publicidade
Segundo Semestre

CPFL Energia registra lucro líquido de R$ 329 milhões

13/08/2008 | 16h44

A CPFL Energia, maior grupo privado do setor elétrico brasileiro, registrou lucro líquido de R$ 329 milhões no segundo semestre de 2008, 11,1% inferior ao registrado no mesmo período de 2007, de R$ 369 milhões. A receita líquida teve um crescimento de 3,9% e ficou em R$ 2,310 bilhões.

 

A geração de caixa, medida pelo EBITDA, no entanto, foi impactada pelas revisões tarifárias das distribuidoras do grupo, somando R$ 718 milhões, com uma queda de 11,8% sobre o 2T07. Apesar disso, o Grupo conseguiu manter margem EBITDA superior a 31% no trimestre.

 

Vendas na área de concessão

 

As vendas na área de concessão apresentaram crescimento de 5,1%, influenciadas pela aquisição da CPFL Jaguariúna e pelo bom desempenho do mercado residencial. Por outro lado, migração de clientes para o mercado livre, a redução da temperatura média e o elevado índice pluviométrico resultaram em crescimentos de mercado modestos nas classes industrial, comercial e rural, respectivamente.

 

Dividendos

A empresa mantém sua prática de distribuição de 100% do lucro líquido do primeiro semestre do ano, no valor de R$ 602 milhões, representando um dividend yield nos últimos 12 meses (remuneração sobre o preço médio das ações no período) de 7,6%.

 

Geração

Na área de geração, a empresa está construindo duas usinas – 14 de Julho e Foz do Chapecó – que totalizam cerca de R$ 1,4 bilhão de investimento (parte CPFL) e aumento de capacidade de geração de 493 MW, A Usina 14 de Julho, do Complexo Ceran, no Rio Grande do Sul, deve entrar em funcionamento até o final deste ano, enquanto a de Foz do Chapecó, em Santa Catarina até 2010.

 

Rating

A S&P elevou o rating de crédito da empresa para AA+, em escala nacional. Além disso, a Austin Rating concedeu grau AA+ para as práticas de governança corporativa da CPFL Energia. A companhia também foi eleita a melhor empresa da América Latina em governança corporativa pela revista Latin Finance e consultoria Management & Excellence.  



Fonte: Assessoria CPFL
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar