acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Energia

CPFL Energia passa a considerar receitas de sete eólicas no 3º tri

02/10/2012 | 15h13

 

A CPFL Energia informou que a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) autorizou na segunda-feira (1º) que sete eólicas operadas pela companhia entrem em operação. A autorização tem validade retroativa, a partir de julho deste ano.
Com isso, afirma a companhia, as receitas dos parques eólicos Santa Clara I, Santa Clara II, Santa Clara III, Santa Clara IV e Santa Clara V serão reconhecidas desde 1º de julho. Já o faturamento gerado por Santa Clara VI e Eurus IV será considerado desde os dias 2 e 4 de julho, respectivamente.
Somados, esses parques têm uma capacidade instalada de 188 MW e estão localizados no município de Parazinho, no Rio Grande do Norte.

A CPFL Energia informou que a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) autorizou na segunda-feira (1º) que sete eólicas operadas pela companhia entrem em operação. A autorização tem validade retroativa, a partir de julho deste ano.


Com isso, afirma a companhia, as receitas dos parques eólicos Santa Clara I, Santa Clara II, Santa Clara III, Santa Clara IV e Santa Clara V serão reconhecidas desde 1º de julho. Já o faturamento gerado por Santa Clara VI e Eurus IV será considerado desde os dias 2 e 4 de julho, respectivamente.


Somados, esses parques têm uma capacidade instalada de 188 MW e estão localizados no município de Parazinho, no Rio Grande do Norte.

 



Fonte: Valor Econômico
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar