acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Etanol

Cosan Combustíveis e Lubrificantes inaugura Terminal de Belém

12/01/2010 | 09h27
A Cosan Combustíveis e Lubrificantes, detentora do uso das marcas Esso e Mobil no país, inaugurou a operação do Terminal Belém  (PA), com o objetivo de atender um mercado importante para a companhia, que compreende a região local.


O espaço possui atualmente três tanques em operação com capacidade de estocar cerca de 5.500 m³ de etanol. Os produtos são recebidos por navios (cabotagem) e depois armazenados nos respectivos tanques. Atualmente a distribuição é realizada  por meio de caminhões para toda  a região do Pará. A iniciativa da companhia é ampliar o mercado de atuação com os estados do Norte do país e toda região amazônica.


“Desde sua reinauguração no início de 2009 já recebemos dois navios-tanque, o que possibilitou uma operação de 12 milhões de litros de etanol. A companhia está atenta a novas oportunidades e irá investir ainda mais nesse mercado”, explica Fábio Sant’Anna , Coordenador de Operações Brasil da Cosan. Em 2010, a Cosan irá reformar mais tanques de armazenagem e aumentar a capacidade de estocagem para ampliar ainda mais o mercado na região. A companhia pretende, ainda, capturar o benefício logístico da operação de cabotagem trazendo eficiência e competitividade para os clientes da região. “A cidade de Belém é importante no setor de combustíveis e a operação ajudará a consolidar a atuação da companhia”, completa Fábio.


Nesta semana o presidente da Cosan Combustíveis e Lubrificantes, Leonardo Gadotti, esteve em Belém visitando as obras no Terminal e as instalações do Porto de Miramar. Na ocasião, foram ratificados os planos de investimentos e definidos novos estudos de viabilidade para ampliar a tancagem na área portuária. “A companhia tem grande interesse em ampliar o mercado de etanol na região norte, e o porto de Belém – pelo seu posicionamento geográfico estratégico – é o ponto de entrada para o Etanol, com capilarização para outros mercados na região amazônica”, comenta Luiz Renato Gobbo, Diretor de Operações da Cosan.


Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar