acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Internacional

Coreia quer reduzir dependência de petróleo estrangeiro e faz OPA hostil à exploradora britânica

20/08/2010 | 09h29
A Korea National Oil fez uma OPA hostil de 1,87 mil milhões de libras pela empresa de exploração Dana-Petroleum depois da primeira proposta de aquisição da empresa ter sido recusada. Esta OPA faz parte de um plano de aquisições orçado em 6 mil milhões destinado a duplicar a produção em 2012 e a posicionar a empresa, a quarta maior importadora do continente asiático, para competir com a China e a Índia de forma eficiente por recursos energéticos, segundo a Bloomberg.


A empresa, detida pelo Estado sul-coreano, ofereceu 1.800 pence por acção e a compra das obrigações convertíveis da Dana, revelou hoje em comunicado.


Esta OPA junta-se a outras aquisições de vulto efectuadas nesta semana, como a oferta de 40 mil milhões de dólares da BHP Billinton pela da produtora de fertilizantes Potash e a aquisição da New Alliance pelo grupo financeiro First Niagara.


Os accionistas da Dana-Petroleum estão, segundo fontes consultadas pela Bloomberg, a encarar esta aquisição como ‘um facto consumado’, devido ao valor elevado da oferta.


Fonte: Redação/ Agências
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar