acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Empresas

Converteam fabricará sistemas elétricos para sondas de perfuração

25/08/2011 | 15h24
A especialista em conversão de energia Converteam anunciou que está pronta para começar a fabricação dos inversores de frequência de corrente alternada e painéis de média tensão em sua fábrica em Betim, próxima a Belo Horizonte, no Brasil.
 

Os preparativos, que ocorreram durante vários meses, exigiram um longo período de transferência de tecnologia entre os especialistas em inversores de frequência para sondas de perfuração da Converteam Reino Unido e a equipe de engenharia da Converteam Brasil. 
 

A Converteam opera no Brasil há trinta anos e já tem extensa experiência na fabricação e aplicação de sistemas de conversão de energia, incluindo painéis de distribuição e soluções de inversores de frequência para os segmentos de metais e manuseio de materiais.
 
 
No segmento offshore, a Converteam Brasil já fabrica os inversores de frequência  - MV7000 - para o sistema de propulsão, bem como todo sistema elétrico de média tensão para projetos offshore internacionais. A produção destes sistemas para as novas ondas de perfuração é visto como extensão natural e lógica dessa experiência e das capacidades existentes.
 

Durante o evento Brasil Offshore, realizado em Macaé, o Diretor de Negócios da Converteam Inglaterra, Paul English observou: “Nosso objetivo estratégico é servir melhor o setor offshore brasileiro com equipamentos e sistemas de alta qualidade, com boa relação custo-benefício, fabricados nacionalmente e com total suporte no Brasil. Nós já projetamos e fabricamos sistemas avançados de prospecção no Reino Unido há aproximadamente quarenta anos, e naturalmente desejamos aproximar essa ‘expertise’ em um dos mercados offshore que mais se desenvolvem no mundo.” 
 

Ele completou: “O inversor de frequência é um componente crítico em qualquer unidade de perfuração offshore. Nosso inversor mais recente inclui um controle responsivo, de alta precisão para a velocidade e o torque e excelentes características dinâmicas no intervalo de velocidade – contribuindo significativamente para melhorar a eficiência geral da operação de perfuração offshore." 
 

O Brasil deve se tornar um dos maiores fornecedores de petróleo na próxima década, e, com a maior parte da produção brasileira vindo de campos offshore, os gastos com perfuração devem aumentar significativamente. De acordo com a Pesquisa GBI*, o Brasil deve atrair um gasto com perfuração offshore de mais de $80 bilhões de dólares de 2009 a 2015.



Fonte: Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar