acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Comercialização

Consumo de gás natural cresce em setembro

24/10/2008 | 06h06

O mês de setembro foi marcado pelo recorde do ano de 2008 na comercialização de gás natural no Brasil, atingindo mais de 51,2 milhões de metros cúbicos diários, de acordo com dados consolidados pela ABEGÁS – Associação Brasileira das Empresas Distribuidoras de Gás Canalizado.

 

A Região Sudeste continua liderando a expansão, com quase 40 milhões m³/dia consumidos nos Estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo e Minas Gerais, representando 78% da média nacional. As Regiões Nordeste, Sul, Centro-Oeste e Norte consumiram, respectivamente, 6,9 milhões m³/dia, 4,1 milhões m³/dia, 154 mil m³/dia e 2,5 mil m³/dia de gás natural.

 

Com relação aos números apresentados no mês anterior, o consumo aumentou 0,37%, com todos os segmentos apresentando crescimento, exceto o industrial. Este segmento, que responde por 52,27% do consumo nacional de gás, teve uma queda de 1,36%. Em setembro, as 2.547 indústrias brasileiras que utilizam gás natural consumiram 26, 7 milhões de metros cúbicos do insumo energético por dia.

 

O setor com aumento mais expressivo na comercialização foi o de co-geração, processo de produção simultânea de energia térmica e elétrica a partir de gás natural. Em agosto, o segmento havia comercializado volume da ordem de 500 mil metros cúbicos por dia, enquanto que, em setembro, consumiu 620 mil m³/dia de gás natural.

 

O segmento residencial, que vinha apresentando ligeiras retrações acarretadas pela sazonalidade do período (férias), voltou a crescer. Foi consumido, em setembro, 1,59% a mais do que em agosto. O consumo do segmento está quase alcançando a marca dos 800 mil metros cúbicos diários de gás natural e mais de 1,3 milhões de residências consomem gás natural.

 

Já o setor comercial, com 21.526 estabelecimentos, consumiu 632,23 mil m³/dia em setembro, representando um crescimento de 0,83%.

 

Comparados com o ano passado, os dados apontam avanço de 16,55%, puxado pelo setor elétrico. Este segmento, cujo consumo vinha diminuindo nos últimos anos devido ao menor acionamento das térmicas, foi o que apresentou maior acréscimo (35,57%) em relação a setembro de 2007.

 

Em contrapartida, o segmento automotivo que mais se destacava no mercado, vem apresentando estagnação, mantendo a média de 6,5 milhões de metros cúbicos consumidos por dia. Com relação a setembro de 2007, houve um decréscimo de 7,62%, ocasionado, principalmente, pelas constantes altas no preço do combustível que abalou a confiança dos usuários referente ao gás natural veicular.



Fonte: Gás Brasil
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar