acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Energia Eólica

Complexo Eólico Ventos de Tianguá no Ceará é inaugurado

14/09/2016 | 11h07

A Casa dos Ventos, uma das pioneiras e maiores investidoras no desenvolvimento de projetos eólicos no Brasil, inaugura hoje (14) o Complexo Eólico Ventos de Tianguá, localizado na Serra da Ibiapaba, no Ceará. Com investimento de aproximadamente R$ 800 milhões, o empreendimento é composto por cinco usinas eólicas e 77 aerogeradores que, juntos, tem capacidade de gerar 130 MW de energia – o suficiente para abastecer aproximadamente 150 mil residências.

“Estamos orgulhosos de contribuir de maneira relevante para que o Ceará se torne uma referência na produção de energia limpa”, afirma o diretor de Novos Negócios da Casa dos Ventos, Lucas Araripe. Além da implantação dos parques, a companhia também investiu na construção de uma linha de transmissão até a subestação Ibiapina II, por onde a energia gerada pelo empreendimento será conectada ao Sistema Interligado Nacional.

A implantação do complexo eólico foi responsável pela geração de aproximadamente 800 empregos diretos, com prioridade para mão de obra local. A Casa dos Ventos e as empresas contratadas utilizaram os recursos do SINE - Sistema Nacional de Emprego da cidade de Tianguá, incorporando as comunidades no entorno do empreendimento na execução das obras.

O Complexo Eólico Ventos de Tianguá é o quarto empreendimento que a Casa dos Ventos inaugura nos últimos doze meses. Em setembro de 2015 a companhia iniciou operação de Ventos de Santa Brígida e Ventos do Araripe, em Pernambuco e Piauí, respectivamente, totalizando juntos 392 MW. Com sete meses de antecedência ao cronograma regulatório, inaugurou no primeiro semestre deste ano Ventos de São Clemente, o maior parque eólico de Pernambuco. “Com Tianguá, são quase 750 MW de parques eólicos energizados pela companhia no último ano, isso representa cerca de 7% de toda capacidade instalada em operação no país. Fomos capazes de manter os investimentos em ritmo acelerado e atingir resultados importantes no último ano, mesmo diante do atual cenário econômico do país”, destacou Araripe.

A Casa dos Ventos ainda está construindo um outro complexo eólico situado na divisa entre Piauí e Pernambuco. O Ventos do Araripe III, localizado no alto da Chapada do Araripe, será composto por 156 aerogeradores e terá potência instalada de 359 MW, o que o inclui na lista de maiores complexos eólicos da América Latina. A entrada em operação comercial desse empreendimento também se dará de forma antecipada ao cronograma regulatório e está prevista para fevereiro de 2017.

Sobre a Casa dos Ventos

A Casa dos Ventos é uma das pioneiras e maiores investidoras no desenvolvimento de projetos eólicos no Brasil. Há nove anos no mercado, a empresa é responsável pelo maior número de projetos que venderam energia nos leilões e no ambiente de contratação livre. Além de ter desenvolvido aproximadamente 30% de todos os empreendimentos em implantação ou operação no país, a empresa é detentora do maior portfólio de projetos eólicos do Brasil. A sede corporativa da companhia é na cidade de São Paulo e seus projetos eólicos estão localizados no Ceará, Rio Grande do Norte, Pernambuco, Paraíba, Bahia e Piauí.



Fonte: Redação/Assessoria
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar