acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
publicidade
Artigo

Como garantir segurança aos profissionais da indústria? por Francisco Costa

07/05/2018 | 18h30

A importância da indústria para a economia nacional é indiscutível: atualmente, o segmento é responsável por quase 12% do Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil. Embora seja um setor em constante desenvolvimento, infelizmente, algumas questões ainda precisam ser aperfeiçoadas. Uma delas é a segurança, elemento fundamental para o desempenho de um bom trabalho no ambiente industrial. Hoje, nosso país ocupa o 4° lugar no mundo em número de acidentes de trabalho, marca da qual não podemos nos orgulhar.

As Normas Reguladoras (NR) existem para fiscalizar as questões de segurança e saúde no trabalho, e devem ser conhecidas por todos. Mas, antes disso, também é importante conhecer algumas regras básicas, mas que podem fazer uma grande diferença para o resto da vida.

A primeira delas está relacionada ao uso dos equipamentos de proteção individual (EPIs). Eles são obrigatórios, pois garantem a segurança do operador. Além de usar óculos, luvas, protetores auriculares e outros equipamentos, também é fundamental atentar-se a qualquer objeto ou tecido que possa se prender na máquina ou ferramenta em uso.

Os itens de trabalho devem ser regularmente inspecionados: lubrificação, limpeza, reparos e trocas de acessórios precisam ser feitos com frequência, sempre com os equipamentos desligados da rede elétrica. Um erro ainda cometido por alguns profissionais é o hábito de carregar as ferramentas pelo cabo elétrico ou puxá-lo no momento de desconectá-las da tomada, o que compromete a segurança do operador e a durabilidade do equipamento.

Vale lembrar, também, a importância da utilização de acessórios de fixação, tais como morsas e grampos - afinal, as mãos livres sempre trabalham melhor. Algumas marcas já trabalham com amplo portfólio de ferramentas sem fio, que oferecem mais segurança, mobilidade e praticidade e, a cada dia, têm feito parte dos processos de mais indústrias.

Por fim, cabe ressaltar que trabalhar no ambiente industrial exige atenção constante. Toda empresa séria zela pela garantia da segurança e pelo cumprimento das leis e regulamentações vigentes. Já aos profissionais, cabe ter atenção diária, cuidado em cada processo e respeito até mesmo às regras mais simples. Com os esforços de ambas as partes, o setor só tem a evoluir.

Sobre o autor: Francisco Costa é gerente de produto da Dewalt, marca líder na fabricação de ferramentas para uso profissional e industrial.

 

 



Fonte: Francisco Costa
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar