acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Mineração

CCX, de Eike Batista, entra com pedido para iniciar obras na Colômbia

05/09/2012 | 14h18

 

A CCX, mineradora de Eike Batista, enviou à Agência Nacional de Mineração (ANM) da Colômbia o PTO (Plano de Trabalho e Obras) para a mina de carvão subterrânea de San Juan.
A estimativa da mineradora de carvão de Eike Batista é que a unidade tenha capacidade de produção de 25 milhões de toneladas anuais e comece a operar em 2017.
Segundo comunicado ao mercado, o plano enviado à agência incluiu o traçado da ferrovia para escoamento da produção.
"Com a aprovação do PTO de San Juan pela ANM, a companhia passa a obter a declaração de utilidade pública, podendo então dar início à construção, tanto da mina quanto da sua infraestrutura logística, após a obtenção das respectivas licenças ambientais", explica a CCX no documento.

A CCX, mineradora de Eike Batista, enviou à Agência Nacional de Mineração (ANM) da Colômbia o PTO (Plano de Trabalho e Obras) para a mina de carvão subterrânea de San Juan.


A estimativa da mineradora de carvão de Eike Batista é que a unidade tenha capacidade de produção de 25 milhões de toneladas anuais e comece a operar em 2017.


Segundo comunicado ao mercado, o plano enviado à agência incluiu o traçado da ferrovia para escoamento da produção.


"Com a aprovação do PTO de San Juan pela ANM, a companhia passa a obter a declaração de utilidade pública, podendo então dar início à construção, tanto da mina quanto da sua infraestrutura logística, após a obtenção das respectivas licenças ambientais", explica a CCX no documento.



Fonte: Valor Econômico
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar