acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Negócios

CCEE apresenta nova estrutura de gestão

07/11/2011 | 16h02
A Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE) está implantando uma nova estrutura de gestão visando simplificar os processos de negócios para torná-los ainda mais ágeis e seguros, permitindo uma atuação mais estratégica frente aos desafios do setor de energia.

“Com a nova estrutura, alcançaremos o mesmo padrão das empresas internacionais de energia, melhorando a eficiência da CCEE e preparando a organização para atuar como protagonista no desenvolvimento do mercado”, destaca o presidente do Conselho de Administração da CCEE, Luiz Eduardo Barata Ferreira.

Nos últimos anos a CCEE acumulou um número significativo de atribuições que, juntamente com a crescente complexidade do setor de energia elétrica, levaram à necessidade de adaptar a organização e o seu modelo de gestão. Para tanto, foi contratada a empresa internacional de consultoria Roland Berger que realizou o diagnóstico e a proposta de reestruturação, atualmente em fase inicial de implantação.

O novo modelo privilegia o desenvolvimento estratégico, a organização por processos, a definição clara de papéis e responsabilidades, a orientação a resultados, a flexibilidade para inclusão de novas atribuições no futuro, e a tecnologia de mercado. “A TI deixa de ser uma área de suporte para se tornar uma área de negócio, antecipando necessidades e soluções”, completa o presidente do CAd.

Entre as principais mudanças, destaca-se o agrupamento de todas as funções em cinco áreas: Estratégica, Corporativa, Gestão de Mercado, Operações de Mercado e Tecnologia de Mercado. As novas áreas são subdivididas em 16 gerências permanentes e uma gerência temporária, a do Novo Sistema de Contabilização e Liquidação (NSCL).

Foram criadas ainda as gerências de Inteligência de Mercado, com objetivo de aprimorar o mercado de energia elétrica no Brasil, por meio de propostas e estudos; de Monitoramento dos Agentes, com missão de gerenciar e monitorar de forma abrangente cada um dos agentes e de forma a garantir a estabilidade do setor; de Desenvolvimento & Novos Negócios; e de Compliance & Gestão de Risco.

“A CCEE busca aprimorar os mecanismos a segurança, aumentar ainda mais a credibilidade do mercado e, com isso, cumprir o compromisso assumido de levar a inadimplência a patamares irrisórios”, completa Barata.

Cada um dos conselheiros será responsável pela supervisão de uma das cinco áreas: Luiz Eduardo Barata Ferreira, presidente do CAd , fica à frente da área Estratégica, que tem como objetivo construir uma visão de futuro da CCEE e do setor; Luiz Fernando Couto Amaro da Silva, da área Corporativa; Ricardo Antônio Gobbi Lima, da Gestão de Mercado; Leonardo Calabró , da Operações de Mercado; Luciano Macedo Freire será o Tecnologia do Mercado.

O novo modelo de gestão deverá ter sua implantação concluída até março de 2012.


Fonte: Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar