acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Empresas

Carbinox investe em infraestrutura e é uma das poucas que fornece para exploração do pré-sal

11/04/2012 | 16h07
O pré-sal já corresponde a cerca de 10% da produção total da Petrobras, que exportou 7,7 milhões de barris de petróleo oriundos dos poços no Campo de Lula, um dos mais produtivos até o momento. Para manter o nível e padrão exigido internacionalmente, o Brasil precisa de equipamentos e materiais especiais, que sejam resistentes à pressão e à corrosão, além de outras particularidades.

A empresa Carbinox é uma das poucas habilitadas para atender este mercado. Integrante da Organização Nacional do Petróleo (Onip), a companhia comercializa materiais como tubos, barras, chapas e conexões em aço inoxidável, ligas especiais e aço carbono, inclusive com tratamento HIC para utilização em ambientes com H2 e H2S ( com elevada concentração de enxofre ), atendendo os requisitos das normas Petrobras N-1704 e N-1706.

“Temos visitado diversos fabricantes na Europa, na Ásia e nos Estados Unidos para fortalecer nossa rede de fornecedores para o pré-sal. Além disso, estamos investindo em nossa própria estrutura. Criamos uma Divisão de Conexões e uma Coordenadoria de Óleo e Gás para responder às necessidades desse segmento”, diz o diretor da divisão Trading da Carbinox, Paulo Moraes Correa.

Para qualificar os fornecedores, a companhia segue os padrões da ISO 9001, realizando visitas técnicas nos fabricantes, contratando terceiros para inspecionar os materiais adquiridos e fazendo levantamento e conferência de certificações como ISO 9000, ABS, Lloyd’s, DNV, TUV, ABS e BV.

Segundo Paulo Moraes, o papel da Carbinox na cadeia do pré-sal é estratégico, já que a empresa tem condições de atender tanto às necessidades imediatas da Petrobras, com os produtos que tem em estoque, quanto às exigências específicas de cada projeto, fornecendo materiais customizados, fabricados pelos seus parceiros.

“O mercado do pré-sal é gigantesco e vai exigir capacidade técnica das empresas envolvidas no fornecimento de materiais, para operar na exploração e produção em águas superprofundas. Nesse ambiente extremamente crítico, produtos especiais serão exigidos para suportar tanto a enorme pressão quanto a corrosão. E a Carbinox está preparada para atender a essa demanda”, finaliza.


Fonte: Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar