acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
publicidade
Etanol

Câmara vai debater na China tecnologia do álcool

22/05/2006 | 00h00

A tecnologia brasileira de produção de álcool combustível será tema de um encontro na China. O deputado Luciano Zica (PT-SP) representará a Câmara no workshop sobre etanol, dentro da 2ª Expo Brasil-China. O evento é organizado pelo Instituto de Cooperação Internacional e pretende consolidar e ampliar as relações econômicas, culturais e comerciais entre os dois países. A reunião acontece entre os dias 23 e 27 de maio em Pequim, na China.

Cooperação

A respeito do etanol, segundo Luciano Zica, a idéia não é apenas apresentar o Brasil como mercado fornecedor de matéria-prima. Buscam-se ainda ações positivas para os dois países, por meio de acordos de cooperação.
"A intenção é fundamentalmente levar a tecnologia e abrir um novo mercado também. A China tem um mercado consumidor potencialmente muito maior que a capacidade de produção", afirmou Zica.

Meio ambiente

Além de interesses econômicos, os assuntos ambientais relacionados à produção de etanol também vão ser debatidos. Para o deputado, a substituição do uso de combustíveis fósseis, como o petróleo, por etanol deve levar em conta o impacto da plantação de cana-de-açúcar sobre a natureza.
"Deve haver preocupação com as queimadas, a forma de adubação e a preservação de áreas de florestas dentro dos canaviais. Não queremos que os chineses cometam erros que o Brasil cometeu no início do programa", disse, referindo-se ao Proálcool brasileiro.
O programa surgiu como resposta à crise internacional do petróleo, na década de 70.



Fonte: Agência Câmara
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar