acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Energia

BRIX inova com o lançamento de contratos com fornecimento semanal

21/11/2012 | 16h20

 

BRIX inova com o lançamento de contratos com fornecimento semanal
 
 
Rio de Janeiro, 21 de Novembro de 2012 – A BRIX, plataforma eletrônica de negociação de energia elétrica, disponibiliza agora aos seus Participantes uma nova modalidade de negociação: contratos com período de fornecimento semanal. Este formato de comercialização de energia está disponível para os produtos “Convencional (preço fixo)”, “Convencional PLD + Prêmio” e “Swap PLD Fixo/Variável”. 
 
“Os contratos com fornecimento semanal são um importante instrumento para gerenciar o portfólio de energia dos Participantes da BRIX. Ampliam as atuais estratégias de trading e proporcionam vantagens interessantes”, afirma Marcelo Mello, CEO da BRIX. 
 
Dentre as novas estratégias, destacam-se duas:
 
-  Hedge de PLD (semanal): Muitos geradores e comercializadores já gerenciam seus riscos relacionados às variações do Preço de Liquidação das Diferenças (PLD) operando por meio da plataforma BRIX o “Swap PLD Fixo/Variável” com os contratos mensais e, a partir de agora, com os novos contratos semanais será possível implantar a mesma estratégia com maior agilidade, pois não será mais necessário aguardar a formação de parte do PLD do mês para então transacionar o “Swap PLD Fixo/Variável” para o mês todo.
 
- Arbitragem de modulação: Considerando que a contabilização e a avaliação de lastro realizada pela Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE) será mensal até 30 de junho de 2013, a negociação de contratos semanais “Convencional (preço fixo)”, permitirá que os Participantes, quer sejam geradores, comercializadores ou consumidores, efetuem uma arbitragem de modulação de seu perfil (vendido e/ou comprado), concentrando maiores volumes em determinados períodos do mês. A definição da semana adequada para concentrar maiores volumes dependerá da expectativa da empresa sobre o valor do PLD que prevalecerá para aquele período e da posição original, vendida ou comprada. Desta forma, o Participante poderá obter ganhos adicionais em comparação a uma transação tradicional com contrato mensal flat.

A BRIX, plataforma eletrônica de negociação de energia elétrica, disponibiliza agora aos seus Participantes uma nova modalidade de negociação: contratos com período de fornecimento semanal. Este formato de comercialização de energia está disponível para os produtos “Convencional (preço fixo)”, “Convencional PLD + Prêmio” e “Swap PLD Fixo/Variável”. 


 
“Os contratos com fornecimento semanal são um importante instrumento para gerenciar o portfólio de energia dos Participantes da BRIX. Ampliam as atuais estratégias de trading e proporcionam vantagens interessantes”, afirma Marcelo Mello, CEO da BRIX. 


 
Dentre as novas estratégias, destacam-se duas:


 
-  Hedge de PLD (semanal): Muitos geradores e comercializadores já gerenciam seus riscos relacionados às variações do Preço de Liquidação das Diferenças (PLD) operando por meio da plataforma BRIX o “Swap PLD Fixo/Variável” com os contratos mensais e, a partir de agora, com os novos contratos semanais será possível implantar a mesma estratégia com maior agilidade, pois não será mais necessário aguardar a formação de parte do PLD do mês para então transacionar o “Swap PLD Fixo/Variável” para o mês todo.


 
- Arbitragem de modulação: Considerando que a contabilização e a avaliação de lastro realizada pela Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE) será mensal até 30 de junho de 2013, a negociação de contratos semanais “Convencional (preço fixo)”, permitirá que os Participantes, quer sejam geradores, comercializadores ou consumidores, efetuem uma arbitragem de modulação de seu perfil (vendido e/ou comprado), concentrando maiores volumes em determinados períodos do mês. A definição da semana adequada para concentrar maiores volumes dependerá da expectativa da empresa sobre o valor do PLD que prevalecerá para aquele período e da posição original, vendida ou comprada. Desta forma, o Participante poderá obter ganhos adicionais em comparação a uma transação tradicional com contrato mensal flat.



Fonte: Redação TN
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar