acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Empresas

Brix adota protocolo internacional para transações

01/10/2012 | 14h10

 

A Brix, plataforma eletrônica de negociação de energia elétrica, informou que passa a adotar a partir deste mês o Protocolo FIX (Financial Information Exchange), código de especificações de mensagens para comunicação eletrônica considerado padrão mundial e utilizado por grandes bolsas, bancos, corretoras e investidores.
Conforme explicou a empresa, por meio de nota, com o Protocolo FIX, os participantes da plataforma passarão a receber os contratos transacionados na plataforma imediatamente após terem realizado a operação, aumentando a agilidade no fluxo de documentos e facilitando o controle das operações de compra e venda de energia elétrica pelos agentes. Até agora, os participantes da Brix recebiam os contratos fechados na plataforma apenas no final do dia, após o fechamento dos negócios na plataforma.
"Esta agilidade é de grande valia, principalmente nos últimos dias do prazo para registro das transações na Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE)", explicou o diretor-presidente da Brix, Marcelo Mello, em nota. Segundo ele, no médio prazo, a adoção desse protocolo também facilitará o lançamento de contratos futuros com liquidação financeira, o que a empresa vem se preparando para fazer. Com o início dessas operações, a plataforma prevê um crescimento exponencial do volume de negócios fechados.
Desde o início das operações da Brix, em julho de 2011, já foram transacionados na plataforma cerca de seis milhões de megawatts-hora (MWh), em mais de 5.500 operações, alcançando atualmente uma média de 500 a 700 contratos negociados por mês.

A Brix, plataforma eletrônica de negociação de energia elétrica, informou que passa a adotar a partir deste mês o Protocolo FIX (Financial Information Exchange), código de especificações de mensagens para comunicação eletrônica considerado padrão mundial e utilizado por grandes bolsas, bancos, corretoras e investidores.


Conforme explicou a empresa, por meio de nota, com o Protocolo FIX, os participantes da plataforma passarão a receber os contratos transacionados na plataforma imediatamente após terem realizado a operação, aumentando a agilidade no fluxo de documentos e facilitando o controle das operações de compra e venda de energia elétrica pelos agentes. Até agora, os participantes da Brix recebiam os contratos fechados na plataforma apenas no final do dia, após o fechamento dos negócios na plataforma.


"Esta agilidade é de grande valia, principalmente nos últimos dias do prazo para registro das transações na Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE)", explicou o diretor-presidente da Brix, Marcelo Mello, em nota. Segundo ele, no médio prazo, a adoção desse protocolo também facilitará o lançamento de contratos futuros com liquidação financeira, o que a empresa vem se preparando para fazer. Com o início dessas operações, a plataforma prevê um crescimento exponencial do volume de negócios fechados.


Desde o início das operações da Brix, em julho de 2011, já foram transacionados na plataforma cerca de seis milhões de megawatts-hora (MWh), em mais de 5.500 operações, alcançando atualmente uma média de 500 a 700 contratos negociados por mês.

 



Fonte: Agência Estado
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar