acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Petroquímica

Braskem firma acordo com Finep

11/03/2014 | 11h51

 

A Braskem firmou com a Agência Brasileira de Inovação (FINEP) um acordo para pesquisa de embalagens plásticas a partir da utilização da nanotecnologia em seu Centro de Tecnologia localizado no Polo Petroquímico de Triunfo (RS). O projeto subvencionado  é destinado ao desenvolvimento de resinas plásticas com alta barreira a gases, vapores e solventes químicos para serem usadas na produção de  embalagens rígidas e flexíveis de PE e PP.
O projeto FINEP deverá estar concluído até o final de 2016.  A FINEP irá dispor em caráter de subvenção o valor de R$ 2,97 milhões. Em contrapartida, a Braskem irá alocar para este projeto o valor de R$ 1,66 milhão.
O contrato tem origem em uma chamada pública específica para projetos que utilizam a nanotecnologia, tecnologia que possibilita trabalhar com matéria numa escala atômica e molecular. Para se ter uma ideia, um nanômetro é cerca de 50 mil vezes menor que a espessura de um fio de cabelo.
 

A Braskem comunicou a pouco que firmou com a Agência Brasileira de Inovação (Finep) um acordo para pesquisa de embalagens plásticas a partir da utilização da nanotecnologia em seu Centro de Tecnologia localizado no Polo Petroquímico de Triunfo (RS). O projeto subvencionado é destinado ao desenvolvimento de resinas plásticas com alta barreira a gases, vapores e solventes químicos para serem usadas na produção de  embalagens rígidas e flexíveis de PE e PP.

O projeto FINEP deverá estar concluído até o final de 2016.  A Finep irá dispor em caráter de subvenção o valor de R$ 2,97 milhões. Em contrapartida, a Braskem irá alocar para este projeto o valor de R$ 1,66 milhão.

O contrato tem origem em uma chamada pública específica para projetos que utilizam a nanotecnologia, tecnologia que possibilita trabalhar com matéria numa escala atômica e molecular. Para se ter uma ideia, um nanômetro é cerca de 50 mil vezes menor que a espessura de um fio de cabelo.

 

 



Fonte: Redação TN/ Ascom Braskem
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar