acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
publicidade
Evolução e Diversidade

Brasília se prepara para a 5ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia

17/10/2008 | 13h30

Em sua quinta edição, a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT)  acontece entre os próximos dias 20 e 26, na Esplanada dos Ministérios, em Brasília, tendo como tema central Evolução e Diversidade, numa homenagem aos 150 anos da Teoria da Evolução, elaborada pelos naturalistas Charles Darwin e Alfred Wallace.

 

Participam do evento instituições de pesquisa e ensino, como universidades, Cefets, escolas de todos os níveis, secretarias de Ciência e Tecnologia e de Educação, órgãos governamentais, museus e centros de ciência; clubes de astronomia, entidades científicas e tecnológicas, ONGs, empresas privadas e governamentais, cientistas, professores, técnicos estudantes. Já estão cadastradas 8013 atividades, distribuídas em 371 cidades e com a participação confirmada de 606 instituições de todo o país.


Durante a realização serão debatidos assuntos como a evolução da vida, seleção natural, evolução social e diversidade biológica, ambiental, étnica e cultural a partir dos conhecimentos da Ciência. A abertura oficial do evento ocorrerá segunda-feira (20), às 14h30, na Esplanada dos Ministérios, em Brasília, com a presença do ministro da Ciência e Tecnologia, Sergio Machado Rezende, entre outras autoridades.

 

Na ocasião será lançado pelos Correios o selo alusivo à semana, e também serão entregues o 6º Prêmio Destaque do Ano da Iniciação Científica, outorgado pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq/MCT), e o Prêmio Mercosul de Ciência e Tecnologia. A SNCT é coordenada pelo Ministério da Ciência e Tecnologia.

 

Programação no Rio de Janeiro
 

Com o apoio do BNDES, a partir de segunda-feira a Ciência vai ganhar as ruas do Rio. No Largo da Carioca a população terá acesso a fósseis e réplicas de dinossauros, assistirá a vídeos científicos, apresentações de teatro e literatura de cordel; e poderá participar de oficinas sobre biodiversidade, genética e construção de sítios arqueológicos, entre outras atividades.

 

No Campo de São Cristóvão, o público poderá brincar com fenômenos da eletricidade, eletromagnetismo e experimentos de física básica. Poderá também saber mais sobre a biodiversidade da Baía de Guanabara e conhecer moluscos exóticos e animais peçonhentos. Cientistas e estudantes darão noções sobre energia nuclear, astronomia e geofísica, entre outros assuntos. Participam dessa programação instituições como Observatório Nacional, Instituto Vital Brazil, Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas, Embrapa, Fundação Oswaldo Cruz, Jardim Botânico do Rio de Janeiro e Comissão Nacional de Energia Nuclear. Mais informações sobre o evento em http://semanact.mct.gov.br/.



Fonte: MCT
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar