acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Exportação

Bolívia vai vender gás natural ao Paraguai

17/12/2008 | 03h11

A Bolívia assinou um acordo para exportar gás natural e gás liqüefeito de petróleo (GLP) ao Paraguai, disse um membro do Ministério de Energia à Reuters. Ele não deu detalhes sobre prazos ou volumes.

 

Ainda que a Bolívia venha enfrentando dificuldades para atender à demanda de Argentina e Brasil por gás, o funcionário do ministério disse que o país tem confian-ça de que a produção de hidrocarbonetos crescerá significativamente em 2009. “Vamos produzir mais por meio do aumento da produção em alguns campos existentes, mas também através de outros campos novos”, disse.

 

A Bolívia produz cerca de 40 milhões de metros cúbicos de gás natural por dia. A maior parte desse volume é exportada para Brasil e Argentina.

 

O presidente Evo Morales nacionalizou o setor de energia da Bolívia em maio de 2006 para aumentar a receita estatal oriunda das vastas reservas de gás do país - as segundas maiores da região, atrás apenas da Venezuela. Após meses de negociações, todas as empresas de energia com investimentos na Bolívia concordaram no fim de 2006 em pagar mais impostos e manter as operações no país sul-americano, cumprindo as novas regras do governo. Mas recentemente o governo tem reclamado que as empresas estrangeiras não estão investindo para aumentar a produção. A administração prometeu, com isso, colocar até US$ 1,5 bilhão no próximo ano em campos novos e já existentes por meio da estatal YPFB.



Fonte: Gazeta Mercantil
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar