acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Cotação

Barril cai com morte de Bin Laden

03/05/2011 | 09h52
Os preços do petróleo fecharam em queda ontem, depois de passar por fortes oscilações ao longo dia. Em Nova York, o contrato para junho chegou a marcar menos de US$ 111 no começo da manhã, quando os investidores assimilavam o anúncio da morte do líder da Al Qaeda, Osama Bin Laden.
 

O principal reflexo da morte do terrorista sobre o petróleo deu-se por meio do dólar. A moeda americana, que vinha perdendo valor, ganhou força no começo do dia. À medida que o dólar foi enfraquecendo com relação ao começo da jornada, a variação do petróleo tornava-se menos expressiva.
 

Depois de se recuperar um pouco da forte queda inicial, o contrato do WTI com vencimento em junho fechou em US$ 113,52, com recuo de 41 centavos de dólar, enquanto o ativo para julho perdeu 39 centavos de dólar, para US$ 114,04. O Brent para junho caiu 77 centavos de dólar e encerrou o dia a US$ 125,12; o vencimento de julho recuou no mesmo valor, para US$ 124,85.
 

A redução na velocidade de expansão do setor manufatureiro dos EUA em abril ajuda a explicar a queda dos preços. Um indicador do Institute for Supply Management, que mede o desempenho do segmento, passou de 61,2% em março, para 60,4% um mês depois.


Fonte: Valor Econômico
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar